Perfil do trabalhador brasileiro ao longo da história

- Com a proibição do tráfico negreiro (1850), e a escassez da mão-de-obra escrava, substituiu-se o trabalho servil pelo trabalho assalariado de imigrantes estrangeiros. Os proprietários de terraspagavam a viagem e o imigrante tinha que trabalhar nas fazendas para devolver o valor da passagem paga. Predominaram no início os europeus – italianos, portugueses, espanhóis, alemães, etc. A imigraçãoeuropéia ocorreu entre 1880 e 1930. No início do século XX, vieram também asiáticos, chineses e japoneses. Características: imigração estrangeira, mão de obra menos qualificada e trabalho braçal. "Avinda desses imigrantes foi importante ao longo da história, não só pela força braçal (motivo pelo qual chegaram ao país) e até mesmo a capacitação em outras atividades, mas também pela formação devárias colônias de imigrantes espalhadas por todo o país, e presentes até hoje."
- A Era da Industrialização Clássica (1900/1950): período da industrialização brasileira; a nossa “Revolução Industrial”.Com o surgimento da máquina a vapor, das máquinas têxteis e o uso da eletricidade, o desenvolvimento tecnológico. O homem do campo se dirige à cidade em busca de emprego. Nas décadas de 1930 e 1940,contraditoriamente, o país passa a contar com uma legislação trabalhista. Características: migração interna – nativos, maior concentração de atividades nos centros urbanos, nessa época as pessoaseram consideradas “recursos de produção”, juntamente com outros recursos (materiais, logísticos e etc.) e o homem era considerado um apêndice da máquina. "Acredito que essa época foi importante para ocrescimento do país, mas pelo fato de acontecer de uma forma meio desordenada, o trabalhador no sentido da palavra, foi extremamente prejudicado, já que não existia uma legislação que o defendesse da“ditadura” das máquinas e a ganância dos governos e empresários da época. A falta de qualificação, em meio ao crescimento desordenado, pode ter prejudicado o crescimento econômico."
- De 1951 a...