Obrigado por fumar

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 3 (726 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 21 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
ROTEIRO – FILME
OBRIGADO POR FUMAR 
1.O protagonista do filme, Nick Naylor, trabalha em uma empresa de estudos sobre Tabaco a qualé financiada pelos empresários da indústria de cigarro e desenvolvecom excelência a suaprofissão de lobista. O que você sabe a respeito de tal profissão? Por que Nick é um lobistacobiçado pelos grandes empresários?
2.
Lembra Beth Brait, na revista
LínguaPortuguesa
no. 36
(2008, p. 33), que “ a atração pelaspalavras, pelo poder que elas têm de significar, dando sentido ao homem, às suas glórias,fraquezas e ações, pode se revelar de muitas maneiras”. Abreu(2005, p.30) afirma que “nasociedade em que vivemos somos moldados por uma infinidade de discursos: discurso científico,discurso jurídico, discurso político, discurso religioso, discurso do sensocomum, etc”.- Qual é o discurso comum e o discurso científico que aparece no filme sobre o cigarro? Como seconstrói o primeiro e o segundo?3.Abreu (2005) cita quatro condições da argumentação de sucesso.Nick Naylor, como lobista,possui todas elas ou não? Que trechos e/ou referências do filme autorizam e/ou justificam nossaresposta? Que relação há entre o trabalho desenvolvido pelo lobista e asentrelinhas do filme?
4.
Em termos de argumentação, o falante ou locutor expressa seus argumentos (ponto de vista/discurso) para outro falante, seu interlocutor, porque quer convencê-lo e/ou persuadi-losobrealgo. Segundo a obra
 A arte de argumentar 
(ABREU, 2005), o falante pode ter o auditórioparticular ou ainda o auditório universal. No filme, Nick Naylor possui ambos os auditórios.- Além deidentificar os dois auditórios do lobista, vamos verificar como é a relação entre o lobista, ostais auditórios e o título do filme.5.Abreu (2005, p.45) afirma que “ao iniciar um processo argumentativovisando ao convencimento,não devemos propor de imediato nossa tese principal, a ideia que queremos “vender” ao nossoauditório”. O escritor, então, sugere que o falante deve apresentar, antes da...
tracking img