Normas profissionais do auditor interno

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 11 (2624 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 30 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
RESOLUÇÃO CFC Nº 781/1995

DE 24 DE MARÇO DE 1995
APROVA A NBC PI 01 - NORMAS PROFISSIONAIS DO AUDITOR INTERNO

O CONSELHO FEDERAL DE CONTABILIDADE, no exercício de suas atribuições legais e regimentais,
CONSIDERANDO que a Resolução CFC nº 780/95, de 24 de março de 1995, aprovou a NBC-T-12 - Da Auditoria Interna;
CONSIDERANDO a estrutura das Normas Brasileiras de Contabilidade prevista naResolução CFC nº 751/93, de 29 de dezembro de 1993;
CONSIDERANDO os resultados dos estudos e debates promovidos pelo Grupo de Estudo, instituído pela Portaria CFC nº 2/95,

RESOLVE:

Art. 1º - Aprovar a NBC PI 01 - Normas Profissionais do Auditor Interno.

Art. 2º - Esta Resolução entra em vigor na data de sua assinatura.

Brasília, 24 de março de 1995
José Maria Martins Mendes -Presidente

NORMAS BRASILEIRAS DE CONTABILIDADE

NBC PI 01 - NORMAS PROFISSIONAIS DO AUDITOR INTERNO

3.1 - COMPETÊNCIA TÉCNICO-PROFISSIONAL

3.1.1 - O Contador, na função de auditor interno, deve manter o seu nível de competência profissional pelo conhecimento atualizado das Normas Brasileiras de Contabilidade, das técnicas contábeis, especialmente na área de auditoria, da legislação inerente àprofissão, dos conceitos e técnicas administrativas e da legislação aplicável à Entidade.

3.2 - AUTONOMIA PROFISSIONAL

3.2.1 - O auditor interno, não obstante sua posição funcional deve preservar sua autonomia profissional.

3.3 - RESPONSABILIDADE DO AUDITOR INTERNO NA EXECUÇÃO DOS TRABALHOS

3.3.1 - O auditor interno deve ter o máximo de cuidado, imparcialidade e zelo na realização dostrabalhos e na exposição das conclusões.

3.3.2 - A amplitude do trabalho do auditor interno e sua responsabilidade estão limitadas à sua área de atuação.

3.3.3 - A utilização da equipe técnica supõe razoável segurança de que o trabalho venha a ser executado por pessoas com capacitação profissional e treinamento requerido nas circunstâncias.

3.3.4 - Cabe também ao auditor interno, quandosolicitado, prestar assessoria ao Conselho Fiscal ou Órgãos equivalentes.

3.4. - RELACIONAMENTO COM PROFISSIONAIS DE OUTRAS ÁREAS

3.4.1 - O auditor interno pode realizar trabalhos de forma compartilhada com profissionais de outras áreas, situação em que a equipe fará a divisão de tarefas segundo a habilitação técnica e legal dos seus participantes.

3.5. - SIGILO

3.5.1 - O auditorinterno deve respeitar o sigilo relativamente às informações obtidas durante o seu trabalho, não as divulgando para terceiros, sob nenhuma circunstância, sem autorização expressa da Entidade em que atua.

3.5.2 - O dever de manter o sigilo continua depois de terminado o vínculo empregatício ou contratual.

3.6 - COOPERAÇÃO COM O AUDITOR INDEPENDENTE

3.6.1 - O auditor interno, quando previamenteestabelecido com a administração da Entidade em que atua, e, no âmbito de planejamento conjunto de trabalho a realizar, deve apresentar os seus papéis de trabalho ao auditor independente e entregar-lhe cópias, quando este entender necessário.

EXPLANAÇÃO DOS CONHECIMENTOS:

Para ser um auditor interno, o mesmo deve seguir todas as etapas elencadas acima citadas. As mais importantes são acompetência, autonomia, imparcialidade e sigilo, pois é de grande valia na administração de uma entidade em que se atua como auditor corresponder a esses tais requisitos e fundamentais na hora de atuação, que se proceda com um planejamento para realizar o deve e apresentar os seus papéis de trabalho como auditor independente e bem sucedido e entregar-lhe provas comprobatórias se caso for solicitado peloscontratantes.

RESOLUÇÃO CFC Nº 986/2003

DE 21 DE NOVEMBRO DE 2003
APROVA A NBC TI 01 – DA AUDITORIA INTERNA

O CONSELHO FEDERAL DE CONTABILIDADE, no exercício de suas atribuições legais e regimentais,
CONSIDERANDO que as Normas Brasileiras de Contabilidade e suas Interpretações Técnicas constituem corpo de doutrina contábil, que estabelece regras de procedimentos técnicos a serem...
tracking img