Necrose gangrenosa

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1404 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 16 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
[pic]
INSTITUTO TOCANTINENSE PRESIDENTE ANTÔNIO CARLOS-ITPAC





Patologia Geral





Trabalho apresentado ao Curso de Odontologia junto à Disciplina de Patologia Geral, como requisito do processo de avaliação da disciplina no Curso de Graduação.







Orientador: Profª: Milena .......

Acadêmicos: Rodrigo Carilo Vivas
Nemorah LealPorto Nacional-TO 2011


Introdução:



A necrose é a soma das alterações morfológicas que se seguem à morte celular em um tecido vivo, constituindo-se a principal causa uma manifestação celular de caráter irreversível.
Dois processos essencialmente simultâneos propiciam as alterações da necrose:
• Digestão enzimática da célula.
• Desnaturação dasproteínas.


As enzimas catalíticas responsáveis pela decomposição originam-se dos lisossomos das células mortas ou dos lisossomos de leucócitos imigrantes.
A célula pode ser dada como morta, somente após ter passado pela necrose, e este processo irá digerir todas as estruturas orgânicas da célula em questão.




















Objetivo:
Este trabalho tem comoobjetivo detalhar/esmiuçar um tipo específico de necrose, observando de uma maneira ampla suas características físicas e biológicas depois de se alojar em tecidos ou órgãos.
Temos uma grande lista das causas de agressão celular, e estas agressões levam a uma necrose, que posteriormente tomará características específicas para cada tipo de necrose.
Iremos estudar em específico, a necrosegangrenosa, dando enfoque aos seus dois tipos mais característico, sendo eles:


Necrose gangrenosa sólida.
Necrose gangrenosa úmida.























Apresentação:
Definição de necrose:
É o conjunto de alterações morfológicas que se seguem à morte celular, num tecido ou órgão vivo, resultante de ação degradativa por parte de enzimassobre uma célula letalmente agredida.
Etiologia:
As causas que levam a necrose são variadas, podendo ser classificadas da seguinte maneira:
• Isquemia.
A isquemia altera o suprimento de sangue em determinado órgão, privando-o de oxigênio e elementos nutritivos para que o mesmo realize suas atividades. Caso essa perda de circulação não seja rapidamente recuperada, essas célulasirão perder suas funções e morrer, ocasionando uma necrose.
• Agentes Físicos:
Podemos citar entre estes agentes: Frio, calor, energia radiante ou elétrica, podendo estas causar necrose.
Estes agentes podem atuar diretamente ou indiretamente sobre as células, tornando inadequado o suprimento sanguíneo ou lesando vasos, de maneira que o metabolismo das células é alterado, sendoo sangue existente nas mesmas insuficiente para suprir sua nova necessidade.
• Agentes Químicos:
Agentes como sais e glicose podem causar destruição locas dos tecidos e determinar a morte celular, ao perturbar o equilíbrio osmótico celular.
Portanto existem também produtos químicos com efeito mortal mesmo em baixas concentrações, como é o caso dos venenos.
Sendo assim,podemos dizer que quase todos os produtos químicos em concentrações suficientes podem exercer efeitos tóxicos e determinar a morte celular.
• Agentes Biológicos:
Bactérias, vírus e protozoários podem ocasionar danos as células. As bactérias elaboram produtos tóxicos que podem se armazenar tanto dentro das células como fora delas, (endotoxina e exotoxina), sendo os exotoxicos maisvirulentos tendo maior capacidade de produzir morte celular.
Os vírus e protozoários também são capazes de produzir a morte celular, à partir da produção de enzimas ou frações toxicas destrutivas.
• Hipersensibilidade:
Esta pode originar reações imunológicas violentas, levando a morte das células.
As hipersensibilidades das células podem levar de uma simples alergia á uma...
tracking img