Movimento sem terra (mst)

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 12 (2812 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 13 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
E . E . PROFESSOR JOÃO LOURENÇO RODRIGUES

MOVIMENTO DOS TRABALHADORES SEM TERRA (MST)

Junho/2012
RESUMO

O movimento sem terra surge no Brasil devido as desigualdades territoriais em 1985 e luta pela Reforma Agrária.
A luta pela Reforma Agrária é constante , com objetivo de acabar ou diminuir com a exclusão.
A luta do movimento sem terra é uma luta historia que teve inicio no períodocolonial na concentração fundiária em 1800 como os Quilombos , Canudos , Guerrilhas , etc.
Um fato muito importante nessa luta historia foi a realização do primeiro Congresso Nacional em Curitiba.
O movimento sem terra existe há 25 anos e seu papel é conscientizar os pobres do campo para que lute, pelas mudanças sociais.
Foi constatado que alguns exemplos de atividades agrárias aumentam a rendae melhoram a qualidade de vida doas famílias assentadas.

Reforma Agrária, Invasão de propriedades, Latifúndios.

INTRODUÇÃO
O Brasil é um pais onde as desigualdades sociais são muito acentuadas . A origem destas desigualdades está relacionada com a forma de ocupação do território , onde foram priorizados projetos de grandes propriedades , voltadas para a monocultura de exportação
Passadosmais de quinhentos anos do descobrimento e depois de diversas tentativas de ocupação, o Brasil ainda apresenta características fundiárias semelhantes ao do período colonial.
É neste contexto de exclusão e desigualdade, que surge o Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), fundado em 1985, que tem lutado pela reforma agrária e pelo direito de produzir e garantir o sustento de suasfamílias.

Capítulo 1

O Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST) é um dos mais importantes movimentos sociais do Brasil, tendo como foco as questões do trabalhador do campo, principalmente no tocante à luta pela reforma agrária brasileira. Como se sabe, no Brasil prevaleceu historicamente uma desigualdade do acesso a terra, consequência direta de uma organização social patrimonialista epatriarcalista ao longo de séculos, predominando o grande latifúndio como como escravos, ex-escravos ou homens livres de classes menos abastadas teriam maiores dificuldades à posse da terra..
A sua origem encontra-se nas lutas isoladas pela terra no sul do Brasil, destacando-se as ocupações das Fazendas Macalli e Brilhante, em 1979, no Rio Grande do Sul; da Fazenda Burro-Branco, em Santa Catarina e daFazenda Primavera, em Andradina, São Paulo, ambas em 1980. Também no Rio Grande do Sul, em 1981, 700 famílias acamparam em Encruzilhada Natalina, município de Ronda Alta.
De 21 a 24 de janeiro de 1984, realizou-se o primeiro Encontro Nacional do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra, que contou com a participação de representantes de doze estados. Constitui-se definitivamente como ummovimento nacional a partir do 1º Congresso Nacional, realizado em Curitiba, Paraná (29 a 31 de janeiro de 1985), quando 23 estados brasileiros estiveram representados através de 1.500 delegados.
As ocupações, definidas como a forma mais eficiente de se alcançar a reforma agrária, foi uma decisão política adotada nesse Congresso. E, como palavras de ordem, surgiram: Reforma Agrária na Lei ou na Marra eSem Reforma Agrária não há Democracia.
Os estados nordestinos começaram a se integrar ao movimento em 1986. A primeira ocupação na região ocorreu em 1987, na Fazenda Projeto 4045, em Alcobaça, na Bahia.
A bandeira e o hino do MST foram aprovados, respectivamente, no Terceiro Encontro Nacional, em 1987, e no II Congresso, realizado em Brasília, em 1990.
Como seus objetivos gerais, o MSTressalta:
- A construção de uma sociedade sem exploração e sem explorados, com supremacia do trabalho sobre o capital;
- A luta para que a terra esteja a serviço de toda a sociedade;
- A garantia de trabalho para todos e a justa distribuição da terra, renda e riquezas;
- A busca permanente da justiça social e da igualdade de direitos econômicos, políticos, sociais e culturais;
- A difusão de...
tracking img