Moscas-das-frutas

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 46 (11391 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 29 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
ESCOLA ESTADUAL TÉCNICA SÃO JOÃO BATISTA
Centro Educacional de Referência na Educação Profissional
Curso Técnico em Química

INGRID CAROLINA LERMEN HAUPT
MARTINA LANIUS
MATHEUS DAVID REIDEL
POLIANA KERBER

ESTUDO DAS MOSCAS-DAS-FRUTAS EM DUAS VARIEDADES DE
BERGAMOTAS COM MANEJO ORGÂNICO EM MONTENEGRO -RS

Montenegro
2012

37

2

INGRID CAROLINA LERMEN HAUPT
MARTINA LANIUSMATHEUS DAVID RIEDEL
POLIANA KERBER

ESTUDO DAS MOSCAS-DAS-FRUTAS EM UM POMAR DE BERGAMOTAS EM
MONTENEGRO, RIO GRANDE DO SUL.
Projeto de pesquisa a ser apresentado na 16ª
EXPOTEC – Exposição de Trabalhos Técnicos
do Curso de Técnico em Química da Escola
Estadual Técnica São João Batista.

Orientador: Prof. FabioJuliano Motta de Souza
Co-orientadora: MstdaVivianePretz
Montenegro
2012 3

AGRADECIMENTOS

Agradecemos aos nossos pais, que sempre nos deram apoio para o
desenvolvimento do trabalho.
Agradecemos a oportunidade concedida pela Universidade Federal do Rio
Grande do Sul (UFRGS), e ao programa de iniciação científica e as bolsas cedidas
pelo CNPq.
Agradecemos também as professoras da UFRGS, Dra. Simone Mundstock
Jahnke e a Dra. Luiza Rodrigues Redaelli, pelaajuda que nos deram ao longo do
trabalho.
Agradecemos ao proprietário do pomar, onde as pesquisas foram realizadas,
senhor Luis Laux.
Ao nosso orientador pelo apoio e pelas exigências, Fabio Juliano Motta de
Souza.
Em especial, agradecemos a mestranda Viviane Pretz, por toda a ajuda e
apoio que nos deu ao longo do trabalho.
Enfim, agradecemos a todos os demais que de alguma forma contribuírampara a realização desse projeto de pesquisa.

4

RESUMO

Montenegro é caracterizado por ser o maior produtor de citros do Estado do
Rio Grande do Sul. Sua maior produção é de bergamota, representando um total de
90% da produção.
Entre os fatores prejudiciais em um pomar de citros destacam -se as moscasdas-frutas, especialmente a Cerartitis capitata e Anastrepha fraterculos (Diptera:Tephritidae).
Em pomares com manejo orgânico, onde não são usados produtos químicos
para eliminação de pragas, existe maior propagação destas, que causam prejuízos
econômicos elevados, pois toneladas de frutos são jogados fora devido a sua
invalidação após os danos causados por estas pragas. Nesse sistema de cultivo
orgânico usam-se parasitóides como forma de controle biológico das pragas.
Amosca-das-frutas ovoposita na epiderme do fruto, onde o ovo evolui para o
período larval. A larva se alimenta da polpa do fruto fazendo com que ele apodreça e
caia da copa. Então a larva eclode do fruto e se transforma em pupa, logo após o
desenvolvimento da mesma ocorre a formação da mosca, formando assim um ciclo.
O trabalho foi desenvolvido em um pomar de bergamotas Murcott(CitrussinensisxCitrusreticulata) e Montenegrina (Citrus deliciosa) conduzido com
manejo orgânico desde sua instalação, situado no município de Montenegro/RS.
Este pomar, engloba uma área de 300 plantas de cada variedade de bergamotas foi
utilizada. Quinzenalmente foram feitas coletas para analisar a infestação de moscas das-frutas em diferentes estágios de desenvolvimento dos frutos e a presença deparasitismo.
O projeto foi realizado em conjunto com a Universidade Federal do Rio
Grande do Sul (UFRGS), através do projeto de pesquisa da mestranda Viviane
Pretz, do Programa de Pós Graduação em Fitotecnia sob a orientação da Dra.
Simone MundstockJahnke e coorientação da Dra. Luiza Rodrigues Redaelli. O
projeto conta ainda com o apoio do CNPq, através do programa de bolsas de
iniciação científicade Ensino Médio (IC-EM).
Palavras Chaves: Moscas-das-frutas – Bergamotas – Danos.

5

LISTA DE TABELAS

Tabela 1: O ciclo biológico do inseto..........................................................................22
Tabela 2: Taxonomia do inseto..................................................................................24
Tabela 3: Municípios do Vale do Caí com a população...
tracking img