Modelo mapa conceitual

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (294 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 22 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
: Larissa Oliveira Marketing do consumo e as conseqüências ambientais Há cerca de um mês atrás, aconteceu no Brasil e no mundo o Black Friday. O evento tem como objetivoincentivar o consumismo e já existe há cerca de alguns anos nos EUA formando filas para a compra de produtos em promoção. É nesse cenário que se ensaia o sistema capitalista. Ele éregido por produção e distribuição e o consumismo é o combustível que o alimenta. Nas propagandas de televisão atuais, pessoas são felizes por ter um cartão de crédito, ou então,uma família contente na mesa esbanja alegria por ter certo produto. A sensação que o marketing causado expectadores é de que a felicidade está em obter tal produto gerandodemanda. Para atender essa demanda, as fábricas produzem demasiadamente e consomem os recursos do meio ambiente. Tal consumo é crescente e a reposição, porém, não atende a demanda dasua retirada. A partir disso, vemos que a humanidade caminha rumo a um colapso de escassez de recursos naturais. E o que faremos para refrear isso? Para refrearmos este“Apocalipse”, primeiro devemos mudar o pensamento consumista. Com isso, a produção de lixo, um dos maiores problemas ambientais diminuiria. Também incentivamos a tecnologia voltada paraa reciclagem. Como vimos nos vídeos da aula anterior, os chineses e indianos vêm sofrendo com a reciclagem de materiais tóxicos, o que anda causando problemas de saúde. Havendoa possibilidade de a tecnologia caminhar para que haja um robô que faça este serviço, essas pessoas poderiam ter uma melhor qualidade de vida. Então, com isso, vemos que a fontede todo o problema é o consumismo, que sua demanda, e lixo (e a maioria não reciclável), é tudo isso gera os problemas ambientais que estamos, atualmente, enfrentando.

tracking img