Moda

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1277 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 15 de fevereiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
CICLO DO NITROGÊNIO

São Bernardo do Campo - 2011

CICLO DO NITROGÊNIO

Gustavo Almeida, 12
Júlia Nascimento, 18
Larissa Cardoso, 34
Aline Gutierres, 35
Disciplina: Biologia – Professora: Regina

São Bernardo do Campo - 2011

Índice
1.Introdução 4
2.Ciclo do Nitrogênio 5
2-1 Fixação do Nitrogênio 6
2-2. Nitrificação e Desnitrificação 7
2-3.Assimilação 9
2-4. Resumo 10
3. Conclusão 11
4.Referencias Bibliográficas 12



Introdução
A pedido da professora Regina, fizemos uma pesquisa sobre o ciclo do Nitrogênio, e esse trabalho será apresentado para a sala em forma de seminário.
Durante as pesquisas, descobrimos o quanto o nitrogênio é importante para nós, e para omeio ambiente... 78% da atmosfera é formada por ele, em forma gasosa. Existem também outros repositórios como o solo, o oceano... Mas nestes é encontrado como matéria orgânica.
Nesse trabalho nos aprofundaremos um pouco mais nesse tema, para entendermos melhor a forma de fixação, nitrificação, Desnitrificação e etc.

Ciclo do nitrogênio

As plantas requerem certo número de elementos alémdaqueles que obtêm diretamente da atmosfera (carbono e oxigênio sob a forma de dióxido de carbono) e da água do solo (hidrogênio e oxigênio).  Todos estes elementos, com exceção de um, provêm da desintegração das rochas e são captados pelas plantas a partir do solo.  A exceção é o nitrogênio, que representa 78% da atmosfera terrestre.
As rochas da superfície terrestre constituam também a fonte primáriade nitrogênio, este penetra no solo, indiretamente por meio da atmosfera, e, através do solo, penetra nas plantas que crescem sobre ele.
A maioria dos seres vivos é incapaz de utilizar o nitrogênio atmosférico para sintetizar proteínas e outras substâncias orgânicas. Ao contrário do carbono e do oxigênio, o nitrogênio é muito pouco reativo do ponto de vista químico, e apenascertas bactérias e algas azuis possuem a capacidade altamente especializada de assimilar o nitrogênio da atmosfera e convertê-lo numa forma que pode ser usada pelas células.  A deficiência de nitrogênio utilizável constitui muitas vezes, o principal fator limitante do crescimento vegetal.
O processo pelo qual o nitrogênio circula através das plantas e do solo pela ação de organismos vivos é conhecido como ciclo donitrogênio.
 

Fixação do Nitrogênio

O nitrogênio é um elemento químico essencial à fabricação do DNA, de proteínas e da clorofila. Qualquer um desses compostos é fundamental para a existência da vida nesse planta.
Para repassar o nitrogênio aos seres vivos, damos o nome de fixação de nitrogênio e para suprir as necessidades de sobrevivência. Existem três formas de fixação:
FIXAÇÃO FÍSICA – osraios elétricos vindos do céu (trovões e relâmpagos) transformam instantaneamente o gás N2 em amônia (NH3) que fica no solo e é útil para as plantas. Mas a quantidade de nitrogênio fixado dessa forma é muito pequena e insuficiente sozinha.
FIXAÇÃO QUÍMICA – através do uso de adubos (fertilizantes químicos ou estrume), que são ricos em amônia e sais nitrogenados que são rapidamente aproveitadospelos vegetais. É o modo de fixação mais comum
FIXAÇÃO BIOLÓGICA – através de bactérias chamadas Rhizobium (ou rizóbio) que apresentam um metabolismo capaz de converter o N2 do ar diretamente em sais nitrogenados que são liberados no solo e nutrem os vegetais. Esses micróbios podem ainda se associar a raiz de algumas plantas leguminosas (feijão, soja, alfafa, ervilha, trecho etc.), deixando oprocesso de nitrificação mais rápido ainda. Esse micróbio é conhecido como adubo verde. |
|
|                  Dos vegetais, o nitrogênio segue para os animais na alimentação e tanto plantas quanto animais quando morrem, devolvem compostos nitrogenados à natureza com o apoio dos decompositores.  |

Nitrificação e Desnitrificação
 
Várias espécies de bactérias comumente encontradas nos...
tracking img