Metodologia de pesquisa no direito

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1149 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 8 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
METODOLOGIA DE PESQUISA NO DIREITO
1- CONHECIMENTO: é o resultado de uma relação entre o sujeito que conhece (sujeito cognoscente) e um objeto a ser conhecido (objeto cognoscível).
* Conhecimento primário: modo naturalmente do homem conhecer (com seus sentidos).

Tendência a aceitar capacidade de
como verdade o que reflexão crítica: - ciência
cizem as ‘’autoridades’’ -filosofia teoria do conhecimento
(pais, professores....) epistemologia

Teoria do conhecimento: estuda os mecanismos da atividade cognitiva (processo de conhecer) e os tipos de conhecimento existentes.
Epistemologia: se ocupa do estudo da própria ciência. Se volta para análise dos pressupostos, dos interesses e das ideias subjacentes aos grandes projetos científicos.que ñ se manifesta claramente

1.1- O CONHECIMENTO COMO PROCESSO:
* P/ os objetivistas: os objetos devem ser apenas descritos e o sujeito do conhecimento que deve desvendar a verdade ali existente. Portanto, todo conhecimento deve ter como condição a verificação empírica (pela experiência) de seus resultados.
* P/ os subjetivistas: o ato de conhecer é uma ação do agente que conhececom o uso de sua razão.
* p/ Kant: conhecimento como uma relação entre sujeito e objeto (transcendentalismo kantiano)
* p/ Hegel: conhecimento como produto de uma síntese entre sujeito e objeto, ou seja, entre racionalidade e realidade.

1.2- A ATITUDE ‘’CONTRADOGMÁTICA’’:
Um dogma é uma verdade a priori, algo que não questionamos.
Atitude dogmática: trata seus objetos deconhecimento a partir de pressupostos aceitos como verdade, dispensando reflexão. (Novas descobertas NÃO abalam essas crenças e verdades anteriores).
- Pode aceitar que existe uma outra realidade externa mas não faz nada para conhecê-la.
- sua postura é de indiferença sobre a realidade, um dogmático é um omisso.
Contradogmático: rompe com a atitude dogmática, começa a questionar e indagardeterminado fato. Ser contradogmático significa ser crítico.
adotar atitude reflexiva diante do mundo. A atitude crítica trata o conhecimento como o processo cognitivo que capacita o homem para a ação
Exemplos de perigo do dogmatismo: Confronto entre israelenses e palestinos, cada um acreditando nas suas verdades incontestáveis; a Alemanha deHitler; fundamentalismo islâmico que não tem verdades fora do Alcorão.

2 – PARADIGMAS DE CONHECIMENTO:
Paradigma: conjunto de crenças, valores e técnicas compartilhadas por um grupo em um determinado momento histórico. Dentro de cada paradigma existem 2 subparadigmas: paradigma social em sentido estrito(A) e paradigma epistemológico(B).
(A): perfil do modo como a sociedade se organiza, seu modode desenvolvimento
(B): a forma como a atividade científica enfrente seus objetos de pesquisa.

Quando um paradigma é aceito pela maioria da comunidade, acaba sendo um modo obrigatório de abordagem dos problemas. Logo, um novo paradigma só pode surgir com a mudança do ‘’velho’’ paradigma. (por exemplo como Copérnico provou que a Terra não era o centro do universo)

2.1- MODERNIDADE E CRISEDE PARADIGMAS:
Desde o Iluminismo estamos vivendo o paradigma da modernidade. A partir do momento que antigos paradigmas não podem responder consistentemente aos problemas atuais precisa-se criar novos paradigmas. -> crise dos paradigmas

A morte de um paradigma traz dentro de si o paradigma que lhe sucederá. Essa passagem de um para outro chama-se transição paradigmática, que ésemicega e semi-invisível.
Esse novo paradigma, o paradigma emergente, ainda não se consolidou.

2.2- O MITO DA CAVERNA DE PLATÃO:
Um grupo de homens adultos mora em uma caverna (e não tem conhecimento do mundo exterior), eles estão presos por cordas e virados para o fundo da caverna, não podendo ver a luz e nem se mexer. Apenas veem sombras daqueles que passam pela caverna. Ou seja, para...
tracking img