Mestres da qualidade

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 16 (3810 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 7 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
|[pic] |[pic] |
|____________________________________________________________________________ |


Os Mestres da QUALIDADE
Bem-vindos ao mundo da qualidade. Conheça o essencial da vida e daobra
das seis personalidades que, em nossa opinião, marcaram o movimento.
Aprenda as lições dos gurus sobre como gerir a qualidade na sua empresa.
|Juran e Deming foram os dois pioneiros do movimento da qualidade. Os nipônicos consideram-os os inspiradores do|
|milagre industrial japonês iniciado na década de 50. Os norte-americanos só os descobriram nos anos 80. As suas|
|ideiasforam a base deuma revolução da qualidade que restabeleceu a confiança na indústria nacional. Mas seria |
|injusto associar o movimento a estes dois gurus. Do lado norte-americano, Philip Crosby deu uma preciosa ajuda |
|com a sua teoria dos zero defeitos e Armand Feigenbaum foi o grande impulsionador do conceito de controlo total|
|da qualidade. Do lado japonês, Kaoru Ishikawa e Genichi Taguchi são doisnomes sonantes. Ishikawa foi o |
|pioneiro. Deu um cunho japonês aos ensinamentos de Deming e Juran e criou as sete famosas ferramentas do |
|controle estatístico da qualidade. Foi também o grande inspirador dos círculos de qualidade. Taguchi prestou um|
|forte impulso à promoção do design industrial, que marcou a segunda fase do movimento da qualidade no Japão |
|após a primeirafase baseada no controle estatístico. |
|Fora da lista ficam outros gurus respeitáveis como Massaaki Imai (criador da filosofia Kaisen, que significa |
|melhoria contínua); James Harrington (cujos passos para a melhoría contínua ficaram célebres); Richard |
|Schonberger (que fez a transição de técnicas japonesas como ojust-in-time para o mundo ocidental); e, por fim,|
|Blanton Godfrey (o actual presidente do Juran Institute). Eis a vida e a obra daqueles que a "Sociedade |
|Latino-americana para a Qualidade" (SLC) elegeu como os seis gurus da qualidade. |
| |
|A vingançados pais da qualidade |
|“Santos de casa não fazem milagres.” As carreiras de Juran e Deming, os pioneiros da qualidade, ilustram a |
|veracidade deste provérbio popular. Após a Segunda Guerra Mundial, ambos alertaram os empresários |
|norte-americanos para a importância do conceito. Poucos foram, noentanto, os que levaram a sério. Mas a |
|história deu-lhes razão. A mensagem seria ouvida no longínquo Japão, onde a aplicação das suas ideias deram |
|origem a um autêntico milagre industrial. Ironicamente, Juran e Deming são tidos como os inspiradores desse |
|milagre, que tantas dores de cabeça causaram aos norte-americanos. Neste país, a dupla de gurus só seria ||redescoberta nos anos 80. Foi nessa altura que o movimento da qualidade arrancou em força e que Juran e Deming |
|criaram uma legião de fiéis. Fruto dessa revolução nasceram o prêmio da qualidade Baldrige Award e várias |
|instituições de promoção da qualidade, como a American Society for Quality Control (ASQC). Muitos defendem que |
|a actual supremacia industrial americana em áreas estratégicascomo os automóveis e a electrónica (onde os |
|japoneses foram reis e senhores durante décadas) são o sinal mais visível desse esforço iniciado na década de |
|80. |


CROSBY, PHILIP
____________________________________________________________________________
Biografia: Nasceu...
tracking img