Mercador

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (311 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 18 de dezembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
A cidade de La Toba

A cidade causou polêmica no mundo pela portaria do prefeito Julán Atienza ter sido aprovada pela Câmara municipal e publicada no diário oficial daprovíncia de Guadalajara no dia 9 de março.
A cidade é um dos menores municípios do mundo e possui apenas 119 habitantes, sendo que 96 são eleitores.
O prefeito criou 42regras que veem tendo opiniões diversas entre os moradores da cidade.
As regras foram aprovadas pelos 5 vereadores da cidade que se reúnem na câmara municipal uma vez a cadatrês meses.
Entre as regras criadas estão: não comer de boca aberta em público, não arrotar em público, não desrespeitar os mais velhos, não furar filas, não chupar acolher de sopa fazendo barulho, visitar os enfermos, espirrar apenas com a mão no nariz, bocejar e tossir apenas com a mão na boca e uma das quais mais causou repercussão, nãosoltar pum em público.
Os moradores questionam se é obrigação do prefeito criar um código de boas maneiras ou é falta do que fazer. Alguns moradores acham que ele querser mais real do que um rei.
Porém o prefeito se defende argumentando que o que ele quis foi colocar no papel o que todos já sabem que se deve fazer e criar uma linha deeducação para crianças e jovens, mas o mais interessante é que só existem 4 jovens em idade escolar e 90 pessoas da população já ultrapassam os 65 anos de idade.
O que chamamais ainda a atenção é que caso alguém desrespeite as regras, é previsto uma multa de 150 a 600 euros, dependendo da infração. Mas o prefeito garante que isto é somente noscasos mais graves como depredação de bens públicos ou pichações em muros, afinal eles não tem como monitorar se os cidadãos estão ou não cumprindo todas as regras.
tracking img