Mato grosso dosul

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1269 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 19 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
A Ocupação de Mato Grosso Do Sul e o Domínio Espanhol

Introdução
Conforme o Tratado de Tordesilhas, a região que pertence ao estado de Mato Grosso do Sul pertencia a Espanha. Jesuítas espanhóis ali presentes desde o início do século XVII fundaram missões entre os rios Paraná e Paraguai. Descobriu-se ouro na região, fato que atraiu muitos desbravadores e acelerou o povoamento local. Até adefinição das fronteiras a cargo de Portugal e Espanha através dos Tratados de Madri (1750) e Santo Ildefonso (1777), Portugal expandiu seus domínios construindo vilas e fortes visando proteger as terras de ataques espanhóis e originando a capitania de Mato Grosso.
Para melhor administrar seu território na América o rei espanhol dividiu em Adelantados, região administrada por um capitão militar e, depoisdividiu em vice-reinos e capitanias gerais.
Em 1534, foi fundado o Adelantado da Província do Rio do Prata que abrangia os atuais estados de MT, MS, GO, RS e grande parte do PR, SC, MG, SP e ainda regiões da Argentina, Uruguai, Paraguai e Bolívia.
No início do século do século XVII, a província foi dividida em Província do Rio do Prata, com sede em Buenos Aires, e a Província do Paraguai, comsede em Assunção. Assim as terras atuais do MS passaram a pertencer a província do Paraguai, até 1750, quando mudaram para o domínio de Portugal pelo Tratado de Madri e a pertencer ao Brasil a partir da segunda metade do século XVIII.
Nos anos de 1537 e 1538, o espanhol Juan Ayolas e seu acompanhante Domingos Martínez de Irala também estiveram na região de Corumbá, navegando pelo rio Paraguai, edenominaram Puerto de los Reyes à lagoa Gayva. Por entre 1542 e 1543, Álvaro Nunes Cabeza de Vaca, aventureiro espanhol, também por Corumbá passou para seguir para o Peru. Outro visitante foi o governador de Assunção, Domingos Martinez de Irala, que marchou até os Andes.

Santiago de Xerez e os jesuítas
Em 24/03/1593, foi fundada pelo espanhol Ruy Diaz Guzman, a que é considerada a primeira cidadede MS, Santiago de Xerez, capital da Província Nova Andaluzia. Segundo o professor Gilson Martins, ela foi construída primeiramente as margens do rio Ivinhema, onde permaneceu até 1599, devido as condições climáticas e de solo, ela teria sida transferida para as proximidades dos rios Miranda e Aquidauana, em 1600 e aí permanecido até 1632, quando um fulminante ataque de bandeirantes ao Itatimcapturou os colonos xerezanos e a região foi esvaziada. Hoje resta apenas a ruínas da cidade.
Na década de 1610 uma missão jesuítica já se expandia de Assunção, no Paraguai, ao sul de Mato Grosso, tendo aldeado as comunidades indígenas do Itatim em território sul-matogrossense. Apoiada pela Espanha e pela Igreja Católica, a intenção era assegurar o controle do vale do Rio Paraguai e articular asmissões do Itatim com as de Mojos e Chiquitos, de modo a assegurar proteção ao altiplano das minas na atual Bolívia. Ao longo das décadas de 1630 e 1640, no entanto, estas missões foram brutalmente destruídas pelos bandeirantes, tendo partido de Antônio Raposo Tavares, em novembro de 1648, o golpe final.
Brasil Colonial
De fato, a região sudoeste do atual estado de Mato Grosso do Sul por longos anosesteve sob a influência espanhola. Quanto ao restante do estado, desenvolvia-se muito lentamente, principalmente devido às dificuldades de comunicação com o restante do país, apesar de, desde 1617, a região leste sul-matogrossense ter recebido visitas de bandeirantes paulistas, e de em 8 de abril de 1719 ter sido criada Cuiabá. O sul-matogrossense era uma área de difícil acesso, para não se dizerisolada, e suas cidades do período colonial foram se fundando lentamente.
Na atual área de Coxim, nasceu em 1729, sob o nome de Belliago, alcunha de seu fundador, um povoado que servia de apoio às monções que iam de São Paulo ao norte de Mato Grosso. Anos mais tarde, visando a um tratado de limites existente, foi fundado pelos espanhóis, em 1774, um povoado na foz de Ipané, e em 13 de setembro...
tracking img