Marketing pessoal: ferramenta que alavanca o sucesso pessoal e profissional

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 18 (4383 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 9 de janeiro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
MARKETING PESSOAL: FERRAMENTA QUE
ALAVANCA O SUCESSO PESSOAL E PROFISSIONAL

Izabel C. de Moura Sampaio[1]
Orientadora: Prof. Ms. Elza Soavinsky W. Rumiko[2]

Resumo:

Este trabalho tem como objetivo discutir a importância do Marketing Pessoal e fazer uma análise dos equívocos quanto a sua interpretação, pois ainda é confundido com lavagem cerebral, indutor de conduta e/ou técnica depersuasão. O que se pretende é esclarecer, apesar dos poucos estudos com relação ao assunto com bases cientificas, que Marketing Pessoal é uma ferramenta que proporciona a pessoa um diferencial na vida particular e profissional. Mostrar que é diferente de etiqueta empresarial, autopromoção, que está além da imagem, pois se inicia de dentro para fora, se expressando nas atitudes, no que se faz e nocomportamento. Apresenta também a Marca pessoal como um requisito importantíssimo para a credibilidade, pois exige autenticidade o que é fundamental para sua construção. A metodologia utilizada para a realização do trabalho foi a pesquisa bibliográfica qualitativa.

Palavras-chave: Marketing Pessoal. Plano de Ação. Marca Pessoal.

INTRODUÇÃO

Com a competição acirrada do mercado atual ter aomenos um pequeno diferencial pode garantir o sucesso profissional. No dia-a-dia é essencial o reconhecimento de competências e habilidades que diferenciem e determinem a posição do indivíduo no contexto em que atua.
A necessidade de garantir o sucesso holístico é devido às aceleradas mudanças e transformações que são geradas pelas exigências da globalização e do desenvolvimento tecnológico. Comas novas exigências e inovações, a sociedade, o homem e as culturas estão se modificando de forma persistente e irreversível.
É fundamental ter conhecimento do passado e estar atento as características da época atual, do momento em que se vive, para participar ativamente da história. É necessário saber mapear o contexto em que se está inserido para se posicionar e refletir criticamente sobre ocenário atual. Como reagir diante de tantos avanços e transformações nas mais diferentes áreas do conhecimento e com uma velocidade jamais vista? Como se defender dos “bombardeios” da mídia que, obedece ao poder dominante, promovendo o consumo inconsciente, aos acontecimentos a nível mundial? Como se posicionar diante de tanta informação com tamanha velocidade?
Hoje se vive o modelo econômicocapitalista e do discurso neoliberalista que ressalta os direitos do consumidor mais do que as liberdades públicas e democráticas e contesta a participação do estado no amparo aos direitos sociais. Em meio a tantas mudanças, transformações e velocidade negligencia-se a criticidade, o sujeito fica perdido no tempo descuidando de seu passado e de sua identidade que são a base para refletir o presente eplanejar o futuro, passa a colocar a técnica acima do humano.
A questão é discutir o marketing pessoal para esse homem que procura desenvolver seu projeto de vida numa sociedade hedonista, individualista, competitiva, instável, que desvaloriza o humano... Para traçar um plano é necessário ter consciência do mundo em que se vive e das leituras que se faz dele, pois não é possível ter sucessoestando sempre à margem observando e plagiando.
Na Era do Conhecimento, há muita informação e pouca familiarização, envolvimento com o conteúdo, pois não há mais tempo para se ler um bom livro, apreciar uma boa música, fazer o que dá prazer, tudo é muito imediato. O conhecimento se multiplica velozmente como nunca se constatou na história da humanidade provocando uma visão de desenvolvimentoda civilização, mas tanto excesso pode ser angustiante. A esse respeito Sevcenko (2001, p.24) afirma que:

“Se somarmos todas as descobertas científicas, invenções e inovações técnicas realizadas pelos seres humanos desde as origens da nossa espécie até hoje, chegaríamos à espantosa conclusão de que mais de oitenta por cento de todas elas se deram nos últimos cem anos....
tracking img