Jogos, brinquedo e brincadeira

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 17 (4168 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 14 de agosto de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
PERSPECTIVAS SOBRE O JOGO, O BRINQUEDO E A BRINCADEIRA.







Carla Rhaissa Bezerra, Josiane Rodrigues e Tabata Julia Soares Martins




Trabalho de Conclusão da disciplina O brincar, a brincadeira e o brinquedo, ministrada pelo Prof. Dr. Antonio César Frassoto. Licenciatura em Pedagogia do Instituto de Biociências, Letras e Ciências Exatas daUNESP – Campus de São José do Rio Preto.









São José do Rio Preto, SP
novembro – 2011
RESUMO
A intenção deste artigo é sensibilizar os professores de educação infantil e do ensino fundamental das séries iniciais do importante papel que os jogos, as brincadeiras e os brinquedos exercem no desenvolvimento da criança. Para isso se faz necessário fazer algumas considerações importantessobre os jogos, brinquedos e brincadeiras; conceituar os principais termos utilizados para designar o ato de brincar, tornando-se também fundamental analisar o papel do educador neste processo lúdico. Desta forma, espera-se oferecer uma leitura mais consciente acerca da importância do brincar na vida do ser humano, e em especial na vida da criança.
Palavras chave: brincar; educação infantil;criança; escola.

INTRODUÇÃO

Inicio este trabalho com a citação de ALMEIDA "O brincar é uma necessidade básica e um direito de todos. O brincar é uma experiência humana, rica e complexa." (ALMEIDA, M. T. P, 2000)
No atual contexto que vivemos percebe-se que nem sempre a teoria pode ser aplicada na prática, afinal vivemos em um país que não tem dado aos pequenos a devida importância,principalmente no que se refere ao direito de brincar. Não esquecer que o brincar é uma necessidade básica e um direito de todos. Se o brincar é um direito devemos ter, estimular e cobrar políticas públicas dirigidas em quatro eixos básicos: I. Criação de espaços lúdicos estruturados para jogos, brinquedos e brincadeiras; II. Organização sistemática de ações de formação lúdica de recursos humanosem diferentes níveis; III. Campanhas formativas e informativas sobre a importância do brincar; IV. Criação de centros de pesquisa, de documentação e assessoria sobre jogos, brinquedos e brincadeiras e outros materiais lúdicos.
Este é um trabalho de conclusão de disciplina que tem como premissa discorrer sobre o tema o brincar. Escolhemos este tema por estar presente em nossa rotina comoprofessoras de educação infantil e das séries iniciais do ensino fundamental. Também é um assunto de extrema importância que condiz com nossa formação em licenciatura em pedagogia.
Com esse trabalho realizamos um estudo sobre a perspectiva do jogo, da brincadeira e do brinquedo do ponto de vista das teorias atuais. Para essa análise, recorremos a livros e artigos sobre o tema brincar dos quais nosapropriamos para termos como base em nosso trabalho.
O trabalho foi divido em capítulo 1 onde sustentará o jogo e a educação infantil, capítulo 2 que fundamenta o papel do brinquedo para o desenvolvimento infantil, capítulo 3 que discorre sobre a brincadeira de faz-de-conta: lugar do simbolismo, da representação, do imaginário; e no capítulo 4 refletiremos sobre o lúdico na formação doeducador e finalizamos com as considerações finais acerca do assunto perante as leituras, análises e discussões sobre o tema.



O JOGO E A EDUCAÇÃO INFANTIL

O que é jogo?
A compreensão de jogo está associada tanto ao objeto (brinquedo) quanto à brincadeira. É uma atividade mais estruturada e organizada por um sistema de regras mais explícitas. Exemplos clássicos seriam: Jogo de Mímica,de Cartas, de Tabuleiro, de Construção, de Faz-de-Conta etc. Uma característica importante do jogo é a sua utilização tanto por crianças quanto por adultos, enquanto que o brinquedo tem uma associação mais exclusiva com o mundo infantil.
Tentar definir o jogo não é tarefa fácil. Quando se diz a palavra jogo cada um pode entendê-la de modo diferente. Pode-se estar falando de jogos...
tracking img