Investimento

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 40 (9811 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 17 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Descrição | Documentos |
Introdução, Capítulo 1: Origem e natureza da IO; o seu impacto em problemas de planeamento e...Exemplos | PDF
PS |
Introdução, Capítulo 2: Os principais passos na Investigação Operacional para a resolução dum problema. | PDF
PS |
Introdução, Capítulo 3: Problemas de Optimização e Problemas de Programação Linear | PDF
PS |
PL,Capítulo 1: O modelo deProgramação Linear. | PDF
PS |
PL, Capítulo 2: A Programação Linear em termos de actividades. Exemplos | PDF
PS |
PL, Capítulo 3: Propriedades fundamentais da PL:base, soluções básicas, etc. | PDF
PS |
PL, Capítulo 4.2: O método Simplex. Algebra do método simplex. | PDF
PS |
|
| |













I. Introdução
1. 1. Origem e natureza daInvestigação Operacional (IO); o seu impacto em problemas de planeamento e no apoio à decisão em problemas de gestão.

1.1. 1.1. Origem.

Para quê a Investigação Operacional?

A Investigação Operacional (IO) como ciência surgiu para resolver, duma forma mais eficiente, os problemas de administração nas organizações, de distribuição óptima de recursos, etc., originados pelo acelerado desenvolvimentoprovocado pela revolução industrial.
Desde a chegada da revolução industrial, o mundo tem assistido a um acelerado crescimento da complexidade das empresas e organizações. Uma componente importante do desenvolvimento tem sido a divisão do trabalho que é também reflectido na segmentação da administração.
Este considerável aumento da complexidade e da especialização, quer na produção, quer nagestão, tem levantado vários problemas. Podemos citar entre eles:
 complexidade na distribuição e utilização óptima dos recursos (geralmente limitados) para obter uma melhor eficácia dentro de toda a organização.
 complexidade na administração da organização em geral: as diferentes componentes dentro duma organização, convertidas em sistemas autónomos com objectivos e administração próprias,por vezes, perdem a perspectiva da forma em que estes objectivos devem estar integrados com os objectivos da organização em geral. Os objectivos cruzam-se: o que pode ser melhor para uns pode ser prejudicial para outros .

A necessidade de resolver duma forma mais eficiente estes e outros problemas conduziram ao surgimento da IO como ciência.

Quando é que surgiu a IO?

A origem da IO comociência é atribuído à coordenação das operações militares durante a 2ª Guerra Mundial, quando George Dantzig apresentou o método Simplex para a resolução dos problemas de Programação Linear (PL).
Historicamente, a Programação Linear (PL) encontra as suas raízes na Antiguidade, e é desde então, que muitos cientistas têm dedicado os seus estudos à pesquisa do óptimo. Entre estes cientistas podemoscitar: Euclides, Newton, Lagrange, do século XX: Leontief, Von Neumann, etc.
Em 1939, o matemático e economista soviético L.V. Kantarovich também formulou e resolveu problemas ligados à optimização na administração das organizações, só que o seu trabalho se manteve desconhecido até 1959.
É assim que a origem da IO como ciência é atribuído à coordenação das operações militares durante a 2ª GuerraMundial. Devido à guerra, era necessário distribuir recursos militares, homens, etc. a determinadas operações duma forma eficaz. Para isto foi procurada uma equipa de cientistas que pudesse resolver os problemas de estratégia e táctica militar.
Em 1947, George Dantzig e outros cientistas dentro do projecto SCOOP (Scientific Computation of Optimum Programs), no Departamento da Força AéreaAmericana, apresentaram uma forma sistemática de resolução dos problemas de Programação Linear (um dos ramos mais desenvolvidos e mais utilizados da IO) que se designa por Método Simplex.
Com a apresentação do Método Simplex, a IO em geral, e a PL, em particular, deu um grande salto. É a partir de então que as aplicações de IO não cessaram, envolvendo valiosas contribuições de economistas e...
tracking img