Idoso

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (255 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 9 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Psicologia do Idoso
Definição - sabe-se que pensar num envelhecimento saudável não é possível apenas sob a luz de uma vertente profissional, mas sim a partir de um olharinterdisciplinar que abranja, além da psicologia, a geriatria, a odontologia, a fisioterapia, a fonoaudióloga, o direito, a terapia ocupacional, o serviço social, dentre outrasáreas de saber direta ou indiretamente relacionadas com o estudo do processo de envelhecimento.
História - Deve ser considerado: a promoção de um envelhecimento saudável não éuma preocupação apenas do idoso, mas sim da família, da sociedade, do governo. É necessário pensar grande!
História - A Psicologia enquanto Ciência precisa atuar no âmbito de umenvelhecimento saudável, atuando no estudo de temas pertinentes, tais como: alterações comportamentais; relações sociais; personalidade; sabedoria; criatividade; dependência;morte, qualidade de vida; atividade; violência; trabalho e aposentadoria; saúde mental, dentre outros temas pertinentes.
Atuação - Existe (desde 2003) o instituto nacional doidoso. Que além de buscar os objetivos propostos, visa disponibilizar as mais variadas formas de contato para os cidadãos, principalmente os Idosos, orientando, educando,conscientizando e informando, quanto aos seus direitos, proporcionando uma via rápida de interligação com os órgãos competentes, e atuar em prol dos idosos.
Referência:
Autora -Luciene C. Miranda – Artigo: O papel da psicologia frente ao envelhecimento
Publicado em: 22/03/2009 – Site Cuidar do Idoso.

NERI, A. L. (2004). O que a psicologia podeoferecer ao estudo e à intervenção no campo do envelhecimento no Brasil, hoje. In Neri, A. L. & Yassuda, M. S. (orgs). (2004). Velhice bem sucedida. Campinas, SP: Papirus.
tracking img