Husserl - fenomenologia e direito

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1204 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 25 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Husserl – Vida e Obra
Husserl, nasceu em 8 de abril de 1859 em Prossnitz, sempre apreciou matemática e as ciências. Estudou astronomia e em 1878 mudou-se para Berlim à fim de estudar Matemática, e mais tarde foi para Viena onde concluiu seu Doutorado.
Mais tarde, entre 1887 e 1886, frequentou aulas de Filosofia de um professor chamado Franz Brentano, por quem foi fortemente influenciado, o quenota-se em seu estudo sobre a intencionalidade da consciência. Além da filosofia, é forte a presença das ciências exatas em seus trabalhos iniciais. Em sua primeira monografia publicada: Filosofia da aritmética, Husserl evidenciou seus conhecimentos em psicologia, matemática e filosofia. Foi também criticado pelo modo como tratava a matemática., o que o influenciou bruscamente à criar seu métodode conhecimento, a Fenomenologia, que o deixou bastante famoso. Iniciou seus trabalhos fenomenológicos em 1900, mas em 1916, quando tornou-se catedrático na Universidade de Freiburg, é que Husserl se aprofundou de vez em seu embasamento teórico.
Aposentou-se em 1928, deixando seu aluno Martin Heidegger, como seu sucessor, porém mais tarde notou que Heidegger seguiu por outra vertente, a que foraproposta por ele, então a relação dos dois entrou em conflito.
Husserl, mesmo aposentado, continuou a ministrar suas palestras, mantendo prestígio internacional, porém foi acometido por uma doença que o afastou de sua vida acadêmica para sempre.
Faleceu em 27 de abril de 1938, e deixou um legado de mais ou menos 40.000 páginas de manuscritos, além de todas suas obras publicadas.

A Filosofia ea Fenomenologia
Husserl, em sua obra: “Idéias para uma fenomenologia pura e para uma filosofia fenomenológica, procura determinar a fenomenologia como a ciência fundamental da filosofia, se distanciando do pensamento particular que cada individuo carrega. Husserl, procura estabelecer uma ciência matriz que sirva de base para todas as outras ciências.
Husserl foi um matemático, e podemos dizerque a matemática e a psicologia serviram como um ponto de partida para seus estudos e experimentos.
A fenomenologia de Husserl consiste, num método de apreensão do objeto de estudo. Nessa relação da Fenomenologia com a Filosofia, o filósofo não pode contentar-se com certezas práticas, uma vez que a existência exterior das coisas, as vezes podem nos apresentá-las de modo impróprio. Ele buscacertezas absolutas e estas se encontram na consciência do objeto.
Essa consciência do objeto ocorre através da epoché, que consiste no caminho para a redução eidética. Esta por sua vez tem o objetivo de chegar à essência das coisas mesmas.
As apreensões dos fatos e objetos podem ocorrer de duas formas, a apreensão imediata, que é quando o objeto está presente, e a mediata que ocorre através devislumbres de imagens ou recordações.
Esses objetos de estudo podem ser divididos em: objeto sensível, objeto categorial ou objeto universal. E o conceito de fenomenologia nasce justamente da questão de como entender o Universo dos objetos além do que podemos ver?
Nesse contexto chegamos à concepção de noema (objeto que a consciência alcança) e noese (que configura o próprio ato de pensar). Assim ofilosofo tenta estabelecer uma forma clara, para que a fenomenologia explique a filosofia através de um método idealista concreto.

Fenomenologia e Direito
Husserl não escreveu sobre Direito, porém foi o Pai da Fenomenologia que tem alguns conceitos que se aplicam ao campo da ciência jurídica.
A Fenomenologia consiste em um novo método de se conhecer a realidade. O Direito e tudo que o cercapode ser objeto de estudo da Fenomenologia. Trata de colocar os mais puros eventos da consciência à clareza mais completa, de forma que os analisa e os apreende intuitivamente.
Esse método de Husserl conceitua os fenômenos , com uma intuição imediata, com a pretensão de encontrar o sentido dos fatos, o sentido do próprio objeto de estudo em si, sem qualquer consideração de valor, desvalor,...
tracking img