Henri wallon - resumo

Henri Wallon
Henri Paul Hyacinthe Wallon nasceu em Paris, França, em 1879. Graduou-se em medicina e psicologia. Fez também filosofia. Atuou como médico na Primeira Guerra Mundial (1914-1918),ajudando a cuidar de pessoas com distúrbios psiquiátricos. Em 1925, criou um laboratório de psicologia biológica da criança. Quatro anos mais tarde, tornou-se professor da Universidade Sorbonne evice-presidente do Grupo Francês de Educação Nova – instituição que ajudou a revolucionar o sistema de ensino daquele país e da qual foi presidente de 1946 até morrer, também em Paris, em 1962. Ao longo de todaa vida, dedicou-se a conhecer a infância e os caminhos da inteligência nas crianças.
Wallon foi o primeiro a levar não só o corpo da criança, mas também suas emoções para dentro da sala de aula.Fundamentou suas ideias em quatro elementos básicos que se comunicam o tempo todo: a afetividade, o movimento, a inteligência e a formação do eu como pessoa. de expulsar, negar, excluir
Afetividade
Astransformações fisiológicas em uma criança revelam traços importantes de caráter e personalidade. “A emoção é altamente orgânica, altera a respiração, os batimentos cardíacos e até o tônus muscular,tem momentos de tensão e distensão que ajudam o ser humano a se conhecer”. Segundo ela, a raiva, a alegria, o medo, a tristeza e os sentimentos mais profundos ganham função relevante na relação dacriança com o meio. “Ela diz que a afetividade é um dos principais elementos do desenvolvimento humano.
Movimento
Segundo a teoria de Wallon, as emoções dependem fundamentalmente da organização dosespaços para se manifestarem. A motricidade, portanto, tem caráter pedagógico tanto pela qualidade do gesto e do movimento quanto por sua representaçãoEstudos realizados por Wallon com crianças entre 6 e 9anos mostram que o desenvolvimento da inteligência depende essencialmente de como cada uma faz as diferenciações com a realidade exterior. Primeiro porque, ao mesmo tempo, suas ideias são lineares...
tracking img