Goodwill

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 16 (3938 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 16 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
FMU – FACULDADES METROPOLITANAS UNIDAS












GOODWILL




MARIANGELA MIRANDEZ DOMINGUES - RA 514660-4
MARCIA FREIRE DA SILVA - RA 517210-9
VALESKA DAS GRAÇAS DE JESUS – RA 5131003














SÃO PAULO
2010

MARIANGELA MIRANDEZ DOMINGUES - RA 514660-4
MARCIA FREIRE DA SILVA - RA 517210-9
VALESKADAS GRAÇAS DE JESUS – RA 5131003




GOODWILL



Trabalho apresentado ao Professor Elias Pereira responsável pela disciplina de Perícia Contábil do curso de Ciências Contábeis da Faculdade FMU




SÃO PAULO
2010

RESUMO


A Contabilidade tem se preocupado com o método objetivo de avaliação. Entretanto arelevância da informação está em sua essência e tempestividade.
O presente trabalho tem por objetivo tentar definir o melhor conceito de goodwill, através de consulta bibliográfica, segundo autores renomados sobre o assunto.



SUMÁRIO

INTRODUÇÃO 5
CONTEXTUALIZAÇÃO 8
PROBLEMA 9
HIPOTESE 10
GOODWILL NEGATIVO OU BADWILL 12
FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA 12
CASO EXEMPLO 13
CONSIDERAÇÕES FINAIS 18REFERENCIAS BIBLIOGRAFICAS 20


INTRODUÇÃO

O mundo tem passado por mudanças aceleradas nos últimos tempos e o tema Goodwill, no campo jurídico conhecido como Fundo de Comércio, vem sendo alvo de debates. Algumas proposições foram feitas, entretanto há muito a pesquisar para chegar a um estágio do conhecimento sobre o assunto que satisfaça a relação entre Contabilidade e Goodwill de forma agerar informações de interesse para determinados usuários. Conclui-se então, tratar-se de um tema complexo, apesar de despertar grande interesse no mundo dos negócios e consequentemente da Contabilidade.
A falta de conceituação do tangível e intangível fez surgir as primeiras dificuldades. O Goodwill é um ativo intangível, e sobre o mesmo tomou-se algumas proposições consideradas relevantes emseus aspectos esclarecedores.
O termo tangível mostra à idéia de algo com substância física. Ora, se o prefixo IN indica idéia de negação e tangível sugere idéia de contato físico, deduz-se então, que a palavra intangível - in (mais) tangível – remonta a idéia de não tocável, de incorpóreo. É fácil identificar entre os elementos do patrimônio uma máquina, uma mercadoria em estoque ou um imóvelpróprio como sendo tangíveis. Entretanto, há no ativo contas representativas de valores a receber, adiantamentos por conta de gastos antecipados, despesas diferidas que despertam questionamentos sobre sua natureza tangível ou intangível.
Diante das circunstâncias, não parece plausível segregar os ativos como sendo tangíveis ou intangíveis, considerando apenas o sentido popular da palavra que defineesses vocábulos. Faz-se necessário uma investigação mais apurada de forma que cada elemento do ativo seja registrado em sua respectiva conta, de acordo com suas características peculiares identificadas e reconhecidas.
O termo goodwill, de origem inglesa, foi utilizado pela primeira vez em 1571, como ativo “intangível”, que por sua vez se origina da língua latina. A partir de então, não se temconhecimento do seu uso, a não ser pelos juristas, em matéria de julgamento, até final do século XIX, onde se destacava o aspecto mensuração. Os casos mais comuns eram de sócios que se afastaram da sociedade por falecimento cabendo aos herdeiros receber a parte correspondente do patrimônio representada por valores tangíveis e intangíveis.
O primeiro a tratar contabilmente o goodwill foi Dicksee, porvolta do ano de 1897, tratava do lucro após descontar o retorno normal sobre os ativos tangíveis empregados e a remuneração da administração.
Somente no século XX, na década de 40 (quarenta), os americanos, através do American Institute of Certified Public Accountants - AICPA e o American Accounting Association – AAA, demonstraram preocupações com o goodwill
Com a Revolução Industrial novos...
tracking img