Glicocorticoides

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1120 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 4 de janeiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
GLICOCORTICÓIDES

PONTO DE PARTIDA
Corticosteróides endógenos Corticosteróides exógenos - sintéticos

Hipotálamo

Hipófise Anterior

Hipófise Posterior

Fossa hipofisária na sela Túrcica do osso esfenóide

HIPOTÁLAMO

Neurônios peptidérgicos e dopaminérgicos Plexo capilar primário artéria Vaso portal longo Plexo capilar secundário Hipófise Anterior

TratoHipotálamohipofisário Lobo intermediário Hipófise Posterior

veia veia artéria

• Atividade mineralocorticóides • Atividade glicocorticóide • Esteróides sexuais

aldosterona hidrocortisona (= cortisol) e corticosterona androgênios

Fator Liberador de Corticotrofina (CRF)

+ β - endorfina

15 12 Cortisol (ng/mL) 9 6 3

8

11

14

17

20

23

2

5

Horário do dia

O QUE OS CORTICÓIDESTEM EM COMUM...

Cortisol

ciclo pentano peridro fenantreno

Aldosterona

Testosterona

Colesterol

Cascatas: Mineralocorticóides

Glicocorticóides

Hormônios sexuais

cetoconazol

OS GLICOCORTICÓIDES SINTÉTICOS
Hidrocortisona Cortisona Prednisona Prednisolona Metilprednisolona Triancinolona Betametasona Dexametasona Fludrodroxicortida Desoxicortisona BeclometasonaFluormetolona Rimexolona Clobetasol Clobetasona Desonida Desoximetasona Diflurcortolona Flumetasona Ac. de fluocinolona Fluprednideno Halcinonida Prednicarbato Deflazacort Fluocortolona Mometasona Budesonida

VIAS DE ADMINISTRAÇÃO

FARMACOCINÉTICA
• Em geral apresentam-se na forma de:
– Ésteres (p.ex. acetato, dipropionato, valerato); – Acetonidos; – Sais (p.ex. fosfato sódico, succinato sódico).• • • •

Normalmente são insolúveis em água São transportados pela CBG ou albumina Penetram via difusão simples Biotransformação hepática

GLICOCORTICÓIDES E O LEITE MATERNO
SEGUROS: prednisona, triancinolona e betametasona NÃO SEGUROS: dexametasona e deflazacort Metilprednisolona: pode ser utilizado desde que a dose seja baixa (< 8 mg/dia) e a criança seja amamentada após 4 horas datomada do corticóide Hidrocortisona: ainda não se conhece o efeito sobre o leite materno

MECANISMO DE AÇÃO
CBG H H CBG R* H R* H R*
*

Núcleo
transcrição

+
H

RNA

GR α GR β

efeitos biológicos

síntese de proteínas

RNAm

* Hsp 90 = proteína de choque térmico

COMPLEXO RECEPTOR ESTERÓIDE INATIVO
TAD/ID DBD MODELO DE UM COMPLEXO RECEPTOR DE ESTERÓIDE INATIVO:

SR

SHsp 56 Hsp 56

Sr = steroid receptor S = steroid hormone Hsp90 = 90kDa heat shock protein Hsp70 = 70kDa heat shock protein P23 = unique 23-kDa protein 23CsA = cyclosporin A Cyp40 = 40kDa CsA-binding immunophilin CsA-

Zn Zn NLS STD

P23 Hsp 90

CsA

Cyp40

TAD = transcription activation domain ID = immune-reactive domain immuneDBD = DNA-binding domain composed of two zinc (Z) fingersmotifs DNANLS = nuclear localization signal STD = signal transduction domain

TIPO 1 (GENÔMICO)
POR LIGAÇÃO DIRETA AOS ELEMENTOS DE RESPOSTA AOS GLICOCORTICÓIDES (GRE) - indução • lipocortina, vasocortina, endonuclease, ribonucleases, endopeptidases, somatostatina, fator inibidor de migração, receptores para hormônios e citoquinas (IL-1, IL-2)

TIPO 2 (GENÔMICO)
POR LIGAÇÃO A FATORES DETRANSCRIÇÃO (AP-1, KB) - repressão • citoquinas, óxido nítrico sintase, ciclooxigenase (2), fosfolipase A-2, elastase, colagenase, ativador de plasminogênio

TIPO 3 (NÃO GENÔMICO)
POR TRANSDUÇÃO DE SINAL E FOSFORILAÇÃO NO AMBIENTE CITOSÓLICO
• anexina – 1 (antiga lipocortina)

Transcrição

GRE: elemento de resposta a glicocorticóides +

Fator de Transcrição

nGRE: elemento de resposta aglicocorticóides -

R E P R E S S Ã O

USO CLÍNICO
• Terapia de reposição • Terapia anti-inflamatória
• asma • dermatites

• Terapia imunossupressora
• transplante • adjuvante da quimioterapia

COMO UTILIZAR ?

PRINCÍPIOS DA TERAPÊUTICA
1. A corticoterapia deve ser usada somente quando o diagnóstico foi estabelecido e quando outras formas de terapia ao paciente foram utilizadas...
tracking img