Ginastica na empresa: o lazer como principal fundamento

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1873 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de julho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Escola Estadual de ensino Médio e Profissionalizante Dr. Elpídio de Almeida
Aluna: Maria Karoliny Almeida da Silva
Prof: Cleonia
Disciplina: Geografia
Turma: 3º C

União Europeia e países membros
Islândia

- Formação do bloco econômico União Europeia
-Criterios utilizados pela EU paraintegração de países membros.
-Situação econômica e politica da Islândia nos dias atuais


Campina Grande, PB
Formação do Bloco Econômico da União Europeia
A União Européia representa o estágio mais avançado do processo de formação de blocos econômicos no contexto da globalização.
Originada da Comunidade Econômica Européia(CEE), fundada em 1957, pelo Tratado de Roma, a União Européia (UE) é o segundo maior bloco econômico do mundo em termos de PIB: 8 trilhões de dólares.
Formado por 15 países da Europa Ocidental, sua população é estimada em 374 milhões de habitantes. No momento, cuida-se da incorporação de mais 11 países do Leste Europeu à União Européia, o que multiplicará os esforços do bloco já formado paraatender às questões sociais não resolvidas no espaço geográfico dos novos associados, com a inclusão desses países a UE passará a contar com 26 Países Membros.
O órgão máximo da União Européia é o Conselho Europeu. Agrupa os Chefes de Estado ou de Governo, além do Presidente da Comissão Européia, sendo responsável pela definição das grandes orientações políticas, cabendo-lhe a responsabilidade deabordar os problemas da   atualidade no âmbito internacional.
A Comissão Européia, cuja Presidência é exercida por seis meses, em sistema rotativo, é o órgão executivo e tem como função a iniciativa na elaboração da legislação em comum, controlando sua aplicação e coordenando a administração das políticas comuns. Além disso, conduz as negociações da União Européia no plano das relações exteriores.
Em1992 é consolidado o Mercado Comum Europeu, com a eliminação das últimas barreiras alfandegárias entre os países-membros. Pelo Tratado de Maastricht (cidade da Holanda), a União Européia entra em funcionamento a partir de 1º de novembro de 1993.
Dois outros tratados complementam o Tratado de Maastricht, um para tratar da União Política e o outro para cuidar da União Monetária e Econômica.
OEuro é a moeda única criada pela União Européia, no momento já sendo utilizada em substituição as demais moedas da maioria dos demais Países Membros, desde 1º de janeiro de 2002. Esta nova moeda, circulando em cédulas e moedas, em curso na comunidade financeira internacional,   já se consolidou e se afirma, a cada dia, como alternativa ao dólar norte-americano nas transações comerciais.
Três paísesainda resistem ao fim da emissão de sua própria moeda, Reino Unido, Suécia e Dinamarca, por temer as conseqüências da perda da sua soberania.
Até o presente momento, não paira dúvida quanto ao sucesso do Euro como moeda européia forte, lastreada em economias poderosas, que passa a competir com o dólar norte-americano no mercado internacional em condições de igual aceitação.
Além dos atuaisEstados-Membros, a União Européia negocia a adesão de mais 10 (dez) países ao bloco, quais sejam: Chipre, Eslováquia, Eslovênia, Estônia, Hungria, Letônia, Lituânia, Malta, Polônia e República Tcheca, já considerados aptos para adesão no início de 2003 e ingresso definitivo em 1º de maio de 2004. O décimo-primeiro país seria a Turquia que, no entanto, ainda não preenche os critérios mínimos pela UniãoEuropéia para início das negociações com vistas à sua aceitação como país membro.
São países Membros da UE: Alemanha, Áustria, Bélgica, Dinamarca, Espanha, Finlândia, França, Grécia, Irlanda, Itália, Luxemburgo, Holanda (Países Baixos), Portugal, Reino Unido e Suécia.
- Criterios utilizados pela EU para integração de países membros.
A integração européia iniciou-se após a Segunda Guerra...
tracking img