Gestalt-terapia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 33 (8215 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 7 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
A rtigos ..........................

A Gestalt-Terapia e a Abordagem Centrada na Pessoa são Enfoques Fenomenológicos?

A GestAlt-terApiA e A AbordAGem CentrAdA nA pessoA são enfoques fenomenolóGiCos?
Are Gestalt-Therapy and Person Centered Approach Therapy Phenomenological Approaches? La Terapia Gestáltica y el Enfoque Centrado en la Persona son Enfoques Fenomenológicos?
Virginia MoreiraResumo: A questão sobre o fato de serem ou não a Gestalt-terapia e a Abordagem Centrada na Pessoa enfoques fenomenológicos é controvertida no cenário contemporâneo da psicologia humanista no Brasil. Em 1991, Luis Claudio Figueiredo publicou um livro sobre as matrizes do pensamento psicológico, onde estas duas abordagens não são consideradas fenomenológicas. Este artigo tem como objetivocontribuir para esta discussão estabelecendo um diálogo entre a Abordagem Centrada na Pessoa e a Gestalt-terapia com as matrizes psicológicas tal como concebidas por seu autor. Palavras-chave: Fenomenologia; Abordagem Centrada na Pessoa; Gestalt-terapia. Abstract: The matter of whether the Gestalt-Therapy and Person Centered Approach are phenomenological approaches is controversial in the contemporaryscenario of humanistic psychology in Brazil. In 1991, Luis Claudio Figueiredo published a book about the main stream psychological thoughts, in which both approaches are considered not phenomenological. This article intends to make a contribution to this discussion by establishing a dialog between the Person Centered Approach and GestaltTherapy with the psychological main streams as conceived by theauthor. Keywords: Phenomenology; Person Centered Approach; Gestalt-therapy. Resumen: La cuestión sobre el hecho de que sean o no la Terapia Gestáltica y el Enfoque Centrado en la Persona enfoques fenomenológicos es controvertida en el senario contemporáneo de la psicología humanista en Brasil. En 1991, Luis Claudio Figueiredo publicó un libro sobre las matrices del pensamiento psicológico, dondeestos dos enfoques no son considerados fenomenológicos. Este artículo tiene como objetivo de contribuir para esta discusión, estableciendo un diálogo entre el Enfoque Centrado en la Persona y la Terapia Gestaltica con las matrices psicológicas tal como concebidas por su autor. Palabras-clave: Fenomenología; Enfoque Centrado en la Persona; Terapia Gestáltica.

introdução Luis Cláudio Figueiredo,no seu livro Matrizes do Pensamento Psicológico (1991) trata da crise permanente em que se encontra a psicologia para desenvolver-se como ciência independente, tendo em vista a diversidade de posturas metodológicas “em persistente e irredutível oposição” (p. 11). Esses diferentes modelos e interesses, que originam uma variedade de modelos e “seitas”, são denominados por Figueiredo (1991), em sualeitura da história da psicologia nestes seus mais de cem anos, como matrizes do pensamento psicológico. Por meio de um diálogo entre os escritos dos criadores da Abordagem Centrada na Pessoa (ACP) e da Gestalt-terapia (GT) – Carl Rogers e Frederick Perls – e das matrizes do pensamento psicológico propostas por Luis Cláudio Figueiredo, este artigo tem como objetivo discutir uma questão bastantepolêmica nas psicologias humanistas, em nossos dias, no Brasil: a Abordagem Centrada na Pessoa e a Gestalt-terapia são abordagens fenomenológicas?

matrizes do pensamento psicológico Figueiredo (1991) divide o pensamento psicológico em duas grandes matrizes que, por sua vez, se subdividem em outras submatrizes: 1) As escolas e os movimentos psicológicos que têm sua origem em matrizes de pensamentocientificista, que tendem a desconhecer a especificidade do objeto da psicologia em favor de uma imitação pretensamente bem sucedida e convincente das ciências naturais, o que pode levar à extinção da psicologia como ciência independente para tornarse uma disciplina biológica; e, 2) As escolas e os movimentos psicológicos gerados por matrizes “românticas” ou “pós-românticas”, que reconhecem a...
tracking img