Funcoes da linguagem

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1079 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 19 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Com que intenção
ela teria me
falado ‘aquilo’?

Língua Portuguesa
Ensino Fundamental
9º ano

Comunicação e Intencionalidade discursiva
/ Funções Intrínsecas do Texto

•Elementos básicos da comunicação;
•Texto e discurso/ a intenção no discurso;
•As funções intrínsecas do texto.

Todo ato comunicativo envolve
componentes essenciais:
Emissor - remetente, locutor, codificador,falante;
Receptor - destinatário, interlocutor, decodificador, ouvinte;
Mensagem - prática social em que algo é comunicado,
conteúdo transmitido pelo emissor;
Intenção - objetivo, finalidade do discurso, intencionalidade;
Código / linguagem - conjunto de signos usado na transmissão
e recepção da mensagem (verbal, gestual, musical, visual,
mista, etc);

Contexto - referente, momentohistórico;
Circunstância – situação de produção (compromisso
profissional, social, acadêmico, lazer, etc);

Suporte – canal, ambiente por onde a mensagem é
veiculada ( tela de computador, livro, revista, placas,
faixas, cd, etc);
Recursos – formas de organizar o texto (diálogo, humor,
linguagem poética, etc).

Elementos Básicos da Comunicação

Obs.: as atitudes e reações dos comunicantes sãotambém referentes e exercem influência sobre a
comunicação

Texto

É uma unidade lingüística concreta,
percebida pela audição (na fala) ou pela visão
(na escrita), que tem unidade de sentido e
intencionalidade comunicativa.

Elementos Auxiliares na Construção do
Sentido de um Texto - o contexto discursivo
• Papel social dos interlocutores;
• O conhecimento de mundo do interlocutor;• As circunstâncias históricas em que se
processa a comunicação;
• A intenção do locutor.

Discurso
 Discurso é a atividade comunicativa capaz de
gerar sentido, desenvolvida entre interlocutores.
 Texto + Contexto discursivo.

Intencionalidade Discursiva

São as intenções, explícitas ou implícitas, existentes
na linguagem dos interlocutores que participam de
uma situaçãocomunicativa.

Exemplo:
-Por favor! Me joga uma corda que eu estou me afogando!
- E além disso ainda quer se enforcar?
(Jô Soares, Veja, 20/05/02)

Na piada, o locutor, ao pedir uma corda, naturalmente deseja ser
socorrido, prendendo-se a ela. O interlocutor, entretanto,
interpreta sua pergunta como se o locutor desejasse se enforcar.
O humor é extraído do fato de as personagens não levarem emconta um princípio básico das interações verbais:
a intencionalidade discursiva.

Funções da Linguagem:
funções intrínsecas do texto

Funções Da Linguagem
Função Intrínseca

Elemento de Destaque

Emotiva

Emissor

Conativa

Receptor

Referencial

Referente

Metalingüística

Código

Fática

Canal

Poética

Mensagem

Função Emotiva
“ Posso te falar dos sonhos,das flores,
de como a cidade mudou...
Posso te falar do medo, do meu desejo,
do meu amor...
Posso falar da tarde que cai
E aos poucos deixa ver no céu a lua
Que um dia eu te dei”.
(A lua que eu te dei/ Ivete Sangalo)

Características






Também chamada de expressiva, tal função que ocorre
quando o destaque é dado ao emissor. Suas principais
características são:
verbos epronomes em primeira pessoa;
presença comum de ponto de exclamação e interjeições;
expressão de estados de alma do emissor (subjetividade e
pessoalidade);
presença predominante em textos líricos, autobiografias,
depoimentos, memórias .

Função Conativa

Características







Também chamada de apelativa, essa função ocorre
quando o destaque é dado ao receptor. Observe quea
intenção principal do anúncio é estimular o receptor a
adquirir a revista. As principais características dessa
função são:
verbos no imperativo;
verbos e pronomes na segunda ou terceira pessoas;
tentativa de convencer o receptor a ter um determinado
comportamento;
presença predominante em textos de publicidade e
propaganda;
Emprego da ambigüidade.

Função Referencial
Portinari:...
tracking img