Fordismo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 12 (2885 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 1 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Organização e Modelos de Administração (2012)
Professor André Martins de Almeida
Doutorando Economia Aplicada USP

FORDISMO
 Outra importante contribuição para a administração foi feita
por Henry Ford, fundador da Ford Motor Company e
criador da linha de montagem móvel. Com esta linha
estabeleceu o padrão de organização de processos
produtivos que se tornaria universal.
 Até ocomeço do século XX, a atividade industrial era
dominada pelos métodos artesanais. Um automóvel era
fabricado da mesma forma como ainda hoje se constrói
uma casa.

2

FORDISMO
 O primeiro princípio é a divisão do trabalho. O processo
de fabricar um produto é dividido em partes.
 Cada pessoa e grupo de pessoas, num sistema de
produção em massa, tem uma tarefa fixa, que consiste
em fabricarou montar uma das partes.

3

FORDISMO
 O segundo princípio é a fabricação de peças e
componentes padronizados e intercambiáveis.
 Numa linha de montagem, o trabalhador fica numa
posição fixa para executar uma tarefa única.

 O produto movimenta-se ao longo de um processo
que é feito de uma sequência de tarefas, realizadas
pelos trabalhadores em posições fixas.
 Conforme oproduto avança de uma posição para outra,
vai sendo progressivamente construído. ( 1914)
4

FORDISMO
 Ford adotou o dia de trabalho de 8 horas e duplicou o
valor do salário, para 5 dólares por dia.
 Junto com a administração científica, o sistema Ford
espalhou-se rapidamente para outras empresas,
ramos industriais e países.
 Os fabricantes europeus copiaram avidamente a idéia
da linha demontagem móvel, que impulsionou a
internacionalização de muitas empresas.

5

FORDISMO
 Mais tarde, nos anos 50, as empresas automobilísticas
americana
e
européia
estabeleceram
fábricas
montadoras no Brasil.
 O sistema de organização industrial criado por Henry
Ford tornou-se universal.

 Não há empresa industrial que, em algum ponto do
processo produtivo, não utilize algumavariante do sistema
de montagem móvel por ele criado.

6

FORDISMO
 Ford adotou princípios básicos, a saber:
1) Integração Vertical e Horizontal: produção integrada,
da matéria prima ao produto final (integração vertical) e
instalação de uma enorme rede de distribuição (integração
horizontal).
2) Princípio da Economicidade: consiste em reduzir ao
mínimo o volume do estoque dematéria-prima em
transformação, fazendo com que o automóvel fosse pago à
empresa antes de vencido o prazo de pagamento da
matéria-prima adquirida e dos salários.
7

FORDISMO

3) Princípios de Produtividade: aumentar a capacidade
de produção do homem no mesmo período (produtividade)
por meio de especialização e da linha de montagem.
4) Padronização: Ford obtinha agilidade e redução de
custos,pois o produto era totalmente padronizado, devido
a linha de montagem e a padronização do equipamento
utilizado. O esquema se caracteriza pela aceleração da
produção por meio de um trabalho ritmado, coordenado e
econômico.

8

TEORIA CLÁSSICA DA ADMINISTRAÇÃO / A OBRA DE FAYOL

 Fayol foi o pioneiro no reconhecimento de que a
administração deveria ser vista como uma função
separadadas demais funções da empresa.
 O maior impacto dessa idéia está na identificação do
trabalho dos gerentes separando as operações técnicas
da empresa.

9

TEORIA CLÁSSICA DA ADMINISTRAÇÃO / A OBRA DE FAYOL

 Fayol completa sua teoria com a proposição de 14
princípios que devem ser seguidos:
1.Divisão de trabalho, estabelecer tarefas específicas para
cada indivíduo (especialização).2. Autoridade e responsabilidade, sendo a autoridade o
direito de mandar e fazer obedecer, e a responsabilidade
a obrigação de cumprir as ordens.

10

TEORIA CLÁSSICA DA ADMINISTRAÇÃO / A OBRA DE FAYOL

3.Disciplina, o respeito aos acordos estabelecidos entre a
empresa e seus funcionários.
4. Unidade de comando, cada indivíduo tem apenas um
único superior.
5. Unidade de direção,...
tracking img