Ficha de leitura - para a minha irmã

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 4 (932 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 28 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Escola EB2,3/S de Arcos de Valdevez

Língua Portuguesa
Ficha de Leitura – 1º Período

Trabalho elaborado por:
Inês Varela Gomes nº7
11ºC
Jodi Picoult
Jodi Picoult nasceu a 19 de Maio de1966 em Long Island, uma ilha situada no sudeste do estado de Nova York, Estados Unidos. Licenciou-se em Inglês e Escrita Criativa na Universidade de Princeton e publicou, ainda enquanto estudante, doiscontos na revista Seventeen. Após terminar a licenciatura, viu-se obrigada a ter diversos empregos para poder pagar a renda de casa: trabalhou numa correctora, foi copywriter numa agência depublicidade, trabalhou numa editora e foi professora de inglês. Fez o mestrado em Harvard com distinção. Aos 38 anos é autora de onze best sellers e em 2003 foi galardoada com o New England Bookseller Awardfor Fiction. A sua escrita caracteriza-se pelo realismo e pela preocupação em abordar questões polémicas.
Outras obras da autora:
- “Uma questão de fé”
- “Tudo por amor”
- “Memórias Esquecidas”
-“O Pacto”
- “Frágil”
- “Em Troca de um Coração”
- “Dezanove Minutos”
- “O Décimo Círculo”

Para a Minha Irmã
Género literário: Drama
Tema:

Actual De outra época
ResumoOs Fitzgerald são uma família feliz com dois filhos: Jesse e Kate. Quando Kate faz dois anos, é-lhe diagnosticado um tipo de leucemia grave. Sarah e Brian decidem então ter outro bebé, Anna,geneticamente seleccionada para ser uma dadora perfeitamente compatível com Kate. Ao longo da sua vida até à adolescência, a menina é submetida a tratamentos dolorosos e perigosos para fornecer sangue,medula óssea e tecidos para ajudar a irmã mais velha. Quando o estado de Kate se agrava e esta precisa de um rim, Anna decide instaurar um processo legal para requerer a emancipação médica, pois quer ter odireito de tomar decisões sobre o seu próprio corpo. Sara decide representar a filha mais velha no julgamento, mas este é decidido a favor de Anna, que revela que só requereu a emancipação médica...
tracking img