Farmacologia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2168 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 16 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
20/03/2013

Profª Amanda R. Ganassin amanda.ganassin@aedu.com
GOLAN, 2009. cap. 6, pág 78 - 81

1

20/03/2013

2

20/03/2013

O SNA controla: controla: - Contração e relaxamento da musculatura lisa - Secreções exócrinas e algumas endócrinas - A freqüência cardíaca - Certas etapas do metabolismo intermediário (utilização da glicose)

As ações do sistema simpático e parassimpáticosão opostas em algumas situações - controle da freqüência cardíaca - Musculatura lisa visceral do intestino e da bexiga

3

20/03/2013

4

20/03/2013

5

20/03/2013

GOLAN, 2009. cap.76, pág 91

6

20/03/2013

GOLAN, 2009. cap. 8, pág: 104

Também é denominado sistema nervoso voluntário por que a sua função motora pode ser controlada conscientemente. Ele inclui célulasnervosas motoras somáticas, que levam impulsos do sistema nervoso central para os músculos estriados esqueléticos.

7

20/03/2013

As ações do sistema simpático e parassimpático NÃO são opostas em algumas situações - glândulas salivares - órgãos sexuais A atividade simpática aumenta no estresse (comportamento de “luta-ou-fuga”) A atividade parassimpática predomina durante a saciedade erepouso. Ambos os sistemas exercem um controle fisiológico contínuo de órgãos específicos em condições normais.

Os principais neurotransmissores (NT) são ACETILCOLINA e NORADRENALINA. Os neurônios pré-ganglionares são colinérgicos. A transmissão ganglionar ocorre através de receptores nicotínicos de acetilcolina (Ach)

Todas as fibras motoras que deixam o SNC liberam Ach que atua nos receptoresnicotinicos

8

20/03/2013

Os neurônios parassimpáticos pós-ganglionares são colinérgicos e atuam sobre receptores muscarínicos nos órgãos alvo.

pósAs fibras parassimpáticas pós-ganglionares libram Ach que atuam nos receptores muscarínicos

Os neurônios simpáticos pós-ganglionares são principalmente noradrenérgicos, embora alguns sejam colinérgicos (gland. sudoríparas)

pósAs fibrassimpaticas pós-ganglionares liberam noradrenalina (NA) que podem atuar sobre os ßreceptores α ou ß-adrenérgicos. Exceto nas glândulas sudoríparas que as fibras simpáticas liberam Ach que atuam sobre receptores muscarínicos.

9

20/03/2013

GOLAN, 2009. cap. 8, pág 98 - 116

Transmissão Parassimpática

• Neurotransmissor: Acetilcolina • Receptores: muscarínicos e nicotínicos

10 20/03/2013

1. SÍNTESE DO NEUROTRANSMISSOR: ocorre no botão sináptico Acetil coenzima A + colina = Acetilcolina

2. ARMAZENAMENTO: em vesículas no interior do botão sináptico, para evitar liberação espontânea e impedir a degradação dos neurotransmissores por enzimas no botão sináptico

3. LIBERAÇÃO DO NEUROTRANSMISSOR: ocorre mediante a chegada de um potencial de ação no botão sináptico, porexocitose. (100-500 vesículas)

4. CONTROLE DE LIBERAÇÃO DO NEUROTRANSMISSOR: a ativação de receptores muscarínicos na membrana pré-sináptica, causa um feed-back negativo na liberação do neurotransmissor.

5 . INATIVAÇÃO DO NEUROTRANSMISSOR: após transmitir uma informação nervosa ligando ao seu receptor o neurotransmissor deve ser retirado da fenda sináptica. Isso ocorre por: - Inativaçãoenzimática – enzima acetilcolinesterase (AchE, resultando em: ACETATO – eliminado COLINA – recaptada

11

20/03/2013

Receptores Colinérgicos
1. MUSCARÍNICOS M1 - neuronal M2 - cardíaco M3 - glandular

SNC, células parietais gástricas

Coração, terminal pré-sináptico

2. NICOTÍNICOS Nm - muscular

Glândulas secretoras, musculatura liso e endotélio vascular

junção neuromuscular

Nn -neuronal

gânglios autônomos, SNC

Exitem 2 tipos de receptores que interagem com a Ach: Os receptores Nicotínicos e os receptores Muscarínicos A ligação do NT ao receptor leva a uma alteração conformocional do receptor promovendo uma resposta excitatória ou inibitória. NICOTÍNICOS (Iônicos) – canais iônicos Neuronais (Gânglios Autonômicos e medula adrenal) (Nn) Musculares (Placa Motora)...
tracking img