Estudo de Caso

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1072 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 25 de maio de 2015
Ler documento completo
Amostra do texto
APS

1. Sinais e sintomas da DPOC: Ela pode demorar cerca de 20 anos para se instalar, na fase inicial pode ser assintomático dificultando seu diagnóstico. Por isso, é importante que fumantes e ex-fumantes fiquem atentos, a qualquer sinal de falta de ar procurem um especialista logo que apresentarem os primeiros sintomas. Os primeiros sintomas são tosse e catarro. Quando surge a falta de ar oucansaço a doença pode estar em fase mais avançada.
1.2 Diagnóstico da DPOC: O diagnóstico é feito baseado nas alterações identificadas no exame físico, aliado às alterações referidas pelo paciente. O diagnóstico deve ser confirmado por alguns exames: espirometria, gasometria arterial e exames de imagem.
1.3 Tratamento: Ainda não se conhece a cura porém a DPOC pode ser controlada. Os tratamentossão: uso de antibióticos, inaladores, corticosteroides, teofilina e inibidores de fosfodiesterase-4 e no caso se paciente tabagista, cessar o tabagismo. Além do tratamento medicamentoso é importante que o paciente adote um estilo de vida mais saudável que auxilia na melhora dos sintomas e no controle da doença.
1.4 Sinais e sintomas da HAS: Os sintomas podem aparecer somente quando a pressão sobemuito, podem ocorrer dores no peito, dor de cabeça, tonturas, zumbido no ouvido, fraqueza, visão embaçada e sangramento nasal. A HAS pode ser também considerada uma doença silenciosa, pois algumas vezes não apresenta sintomas.
1.5 Diagnóstico: é feito pela medida da pressão. A hipertensão também pode ser diagnosticada por aparelhos que fazem aproximadamente 100 medidas de pressão durante 24 horas.1.6 Tratamento da HAS: Apesar de não se conhecer a cura, ela pode ser controlada. O melhor método é determinado pelo médico e depende das comorbidades e medidas da pressão. No entanto, o tratamento para hipertensão nem sempre significa apenas o uso de medicamentos - mas se estes forem indicados, o paciente deve ter uma boa adesão ao tratamento medicamentos mesmo que esteja se sentindo bem. Éimportante, além do tratamento com medicamentos, a mudança de hábitos de vida, como inclusão da prática de exercícios físicos diários e uma dieta balanceada e hipossódica.
2. No portador de DPOC devemos focar no sistema respiratório, principalmente na ausculta pulmonar, observar expansibilidade torácica, queixas do paciente e monitorar a saturação rigorosamente e em casos específicos monitorar examefísico cardiovascular.
2.1 E na HAS, deve ser verificado a circunferência abdominal para avalição de risco para doenças cardíacas, tendo foco principal na ausculta cardíaca e avaliação da pressão arterial.
3. O procedimento de lavagem deve ser realizado pelos membros da equipe, auxiliares e técnicos de enfermagem com a supervisão do enfermeiro e em casos de maior complexidade técnica pelo próprioenfermeiro devido ao risco de distúrbios hidroeletrolíticos, o enfermeiro avalia o paciente através da SAE, verifica e registra condições de hidratação e parâmetros que podem ser afetados por diminuição de volume de líquido circulante, como frequência cardíaca e pressão arterial, bem como condições da rede venosa, caso seja necessária a obtenção de acesso vascular para reposição hídrica. Osmateriais necessários são: solução prescrita ou fleet enema, suporte de soro, equipo macrogotas, gase, sonda retal, luvas de procedimento, comadre ou fralda descartável. No caso da realização de fleet enema, os materiais são gel anestésico.
http://portal.coren-sp.gov.br/sites/default/files/parecer_coren_sp_2010_32.pdf
http://www.moreirajr.com.br/revistas.asp?id_materia=628&fase=imprime
4. Pantozol 40mgpertente a classe dos benzimidazóis sulfóxido-substituídos (5, 12, 28, 31, 41, 42, 44) em sua classificação farmacológica apresenta-se sendo um inibidor da bomba de prótons, promove inibição específica e dose-dependente da enzima gástrica H+K+ATPas, responsável pela secreção de ácido clorídrico pelas céulas parietais do estômago. Indicado para o tratamento de refluxo esofágico, úlcera...
tracking img