Estudo de caso usl

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2198 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 4 de dezembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
ESTUDO DE CASO

1. Classificação: GESTA III, PARA I, ABORTO I ou G3,P1,A1. Multigesta e Primípara.
Cálculo DPP |
18/08/2011 |
+7/-3 |
25/05/2012 |
Cálculo IG |
14 ago |
30 set |
31 out |
30 nov |
31 dez |
31 jan |
29 fev |
19 mar |
215 dias |
÷ 7 |
30,5 semanas |
DUM 18/08/11.
Data da Consulta 19/03/2012.
DPP 25/05/2012.
Idade Gestacional 30semanas e 5 dias.

2. Na apresentação identifica a parte ou polo do bebê que se apresenta no estreito superior da pelve materna, como a região mole (Nádegas) se encontra no fundo uterino, vemos que a cabeça (Cefálica) se apresenta na pelve sendo assim a apresentação é cefálica. Na situação vê-se a relação entre o eixo uterino e o maior eixo fetal, como o dorso do bebê se encontra no ladoesquerdo da mãe e a região mole e redutível no fundo uterino a situação é longitudinal, pois o sentido do crescimento uterino é o mesmo do bebê. A posição é a relação entre o dorso do bebê e o lado da mãe, como o bebê se encontra com o dorso aparentemente no lado esquerdo da mãe, a posição é esquerda.
As manobras utilizadas são as de Leopold que corresponde a um método palpatório que visa aidentificação, posição, e situação fetal. Abrange quatro tempos ou manobras são realizadas a partir da 28º semana de gestação. O 1º tempo é a exploração do fundo uterino onde delimitamos o fundo uterino com ambas as mãos deprimindo a parede abdominal, tomando contato com a face posterior do útero, reconhecendo o contorno do fundo uterino e a parte fetal. Pode-se encontrar no fundo uterino o pólo pélvico dofeto (massa volumosa de superfície irregular, redutível, amolecida que se deixa deprimir), ou o pólo cefálico do feto (corpo volumoso resistente, regular e irredutivel). O 2º tempo tem-se a exploração do dorso, espalmando as mãos sobre os lados do útero, com os dedos voltados para cima. Verifica-se, alem do dorso, a espessura do abdome, o volume do feto e a quantidade de liquido amniótico.Deslizando as mãos do fundo do útero em direção a região púbica, buscando sentir o dorso fetal e as pequenas partes ou membros, ou um ou outro lado do útero. O dorso apresenta-se como uma superfície resistente, lisa e contínua. No 3º tempo temos a exploração da mobilidade cefálica, procura-se apreender a cabeça ou pólo pélvico entre o dedo polegar e médio, imprimindo movimentos de lateralidade, queindicam o grau de penetração cefálica ou pélvica na bacia. Esta manobra visa explorar a mobilidade do pólo que se apresenta em relação ao estreito superior da bacia. No 4º tempo vê-se a exploração da escava, que consiste em espalmar as mãos de cada lado da porção inferior do útero, deprimindo a parede, seguidos os ramos horizontais da pubes. Verificamos se é o pólo cefálico ou pélvico. Pode-se ocorrertrês situações: escava completamente ocupada pela região fetal (que é o pólo cefálico); escava incompletamente ocupada (pólo pélvico); escava esta vazia (apresentação córmica).

3. Problemas: Aborto há 2 anos; Têm ardência para urinar, urina pouco, contudo vai ao banheiro varias vezes, cultura de urina bacteriúria (100 mil colônias por ml); Leucorréia branca, grumosa sem odor, com presença deprurido; Altura Uterina 32cm e IG 30,5 semanas; Glicemia 100 mg/dl, curva glicêmica 120mg/dl em jejum, 145mg/dl após 2 horas.
Desconforto: Dor lombar.
Situações importantes: Solteira, com filho de três anos; HBsAG (Hep B); Método contraceptivo de Billings (muco), preservativo nos dias férteis, ultimamente ciclos nãos estavam regulares; Primeira consulta com 16 semanas de gravidez (o primeirocontato com a cliente deve ser feito de preferência durante o primeiro mês de gestação, o que oportuniza as ações de prevenção, proteção e recuperação da saúde. Permite identificar precocemente as gestações de alto risco e planejar os cuidados frente a cada caso).

A – Ameaça de abortamento devido à aborto anterior; Risco para Infecção Urinária; Risco de Candidíase devido a leucorréia; Altura...
tracking img