Estresse

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 11 (2749 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 30 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Segunda Infância dos 2 aos 6 anos
Período Pré-Escolar

Desenvolvimento
Físico

Cognitivo
Psicossocial

Segunda Infância dos 2 aos 6 anos
Desenvolvimento físico

1. Mudanças Fisiológicas
Corpo mais esguio e atlético (tronco, braços e pernas
mais compridos)
Começam a perder a face redonda (característica dos
bebés)
Crescimento em idade pré-escolar
crianças crescem 5 a 8 cm porano
Peso em idade pré-escolar
ganham 2 a 3 quilos por ano

em média, as

em média, as crianças

Segunda Infância dos 2 aos 6 anos
Desenvolvimento físico

Crescimento muscular e ósseo:
Músculos abdominais desenvolvem-se
barriga diminui
Ossos tornam-se mais duros e fortes
protecção dos
órgãos internos
Maior força muscular
crianças mais fortes
Desenvolvimento de várias competênciasmotoras
(correr, saltar, abotoar os sapatos, desenhar, etc.)

Sistema Nervoso Central:
Maturação do cérebro

Segunda Infância dos 2 aos 6 anos
Desenvolvimento físico

Crescimento do sistema respiratório, circulatório e imunitário
Tornam a criança mais saudável
Dentição:
3 anos
já surgiram os primeiros 20 dentes
6 anos
dentição definitiva já está visível
Diferenças do género:Rapazes mais altos e com mais massa muscular do que as
raparigas
Doenças ligeiras:
São comuns e ajudam a construir a imunidade à doença

Segunda Infância dos 2 aos 6 anos
Desenvolvimento físico

2. Dieta e Obesidade
As crianças comem menos do que anteriormente e necessitam
de uma dieta equilibrada
a obesidade torna-se uma preocupação
nesta período.
Crianças em idade pré-escolar comexcesso de peso, tendem a
tornar-se adultos com peso em excesso.
A tendência para a obesidade é em parte hereditária, mas
também depende da ingestão de gorduras e do exercício físico.

Segunda Infância dos 2 aos 6 anos
Desenvolvimento físico

3. Padrões de sono
Os padrões de sono mudam
•As crianças dormem, geralmente toda a noite (+/- 12 horas)
•Até cerca dos 5 anos ainda precisam,normalmente, de uma
sesta ou de um período de descanso diurno
Problemas de sono
Dificuldades em adormecer
•Muito banal em idade pré-escolar
•Está em plena conquista motora, aceitando dificilmente a
regressão que implica o adormecer.
•Aparecimento do 1º “sonho mau”
rotinas de adormecimento

Segunda Infância dos 2 aos 6 anos
Desenvolvimento físico

Terrores nocturnos
• o sono (1ª fase) éperturbado por um sonho
extremamente assustador
•Comportamento alucinatório nocturno (grita, esbugalha os
olhos, não reconhece o que se passa à volta, pálida e com
taquicardia)
•A crise dura poucos minutos
Enurese / Encoprese

Segunda Infância dos 2 aos 6 anos
Desenvolvimento físico

4. Lateralidade
A preferência pelo uso de uma mão em vez de outra (lateralidade)
é habitualmente evidentepor volta dos 3 anos.
Hemisfério esquerdo do cérebro (habitualmente dominante)
controla o lado direito do corpo
destros
Pessoas com cérebros mais simétricos
hemisfério direito tende
a ser dominante
controla o lado esquerdo do corpo
canhoto
Nota: A lateralidade não está ainda definida de forma clara pois
nem todas as crianças preferem a mesma mão em todas as
tarefas.

SegundaInfância dos 2 aos 6 anos
Desenvolvimento Cognitivo
Discurso interno
Falar alto para si mesmo sem intenção de comunicar com os
outros
È normal e comum na criança
Ajuda a criança a desenvolver a linguagem e a integrá-la com o
pensamento
O discurso interno é estimulado pela experiência social (crianças
mais sociáveis tendem a usá-lo mais)
Habitualmente desaparece por volta dos 9 anos de idade Segunda Infância dos 2 aos 6 anos
Desenvolvimento Cognitivo

Preparação da criança para a literacia
Conversas com os adultos usando vocabulário e temáticas
desafiantes
Leitura
Jogo imaginativo (faz-de-conta)
Alguns programas de televisão educativos.
A memória autobiográfica começa cerca dos 4 anos de
idade e pode estar relacionada com o desenvolvimento da
linguagem
Os contextos...
tracking img