Estratigrafia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 16 (3850 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 13 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
INTRODUÇÃO


As descobertas estratigráficas representam importante fonte para o conhecimento científico da história do planeta e da evolução da vida. Fenômenos geológicos como os glaciares, as variações orográficas e as mudanças climáticas, assim como o aparecimento, evolução e extinção das espécies se encontram registrados nos diversos estratos, cuja sucessão é um autêntico calendáriogeológico.
A estratigrafia é o ramo da geologia que se ocupa do estudo das rochas estratificadas, que são geralmente rochas sedimentares. A estratigrafia estuda a sucessão das camadas rochosas no tempo, objetivando estabelecer uma cronologia que possa ser amplamente aplicada; e no espaço, visando reconstituir a geografia da Terra no passado. Assim, a estratigrafia situa no tempo e no espaçoeventos geológicos, paleontológicos, petrográficos e tectônicos. Rochas ígneas e metamórficas constituem igualmente objeto dessa disciplina, pois "a Terra é estratificada, em sentido amplo". A estratigrafia não tem uma finalidade apenas acadêmica: presta grande auxílio na localização de jazidas minerais (de petróleo, gás e carvão, por exemplo) e de lençóis aquíferos.
A estratigrafia é baseadano uniformitarismo ou atualismo, segundo o qual os processos geológicos hoje atuantes não diferem, essencialmente, em sua natureza, dos que atuaram no passado, ou seja, o presente serve de modelo para o conhecimento do passado (o presente é a chave de interpretação do passado).
Historicamente a estratigrafia surgiu da necessidade de se estabelecer uma cronologia da evolução da Terra, o que sefez segundo princípios simples e objetivos que constituem os Princípios da Estratigrafia.


1. ESTRATIGRAFIA


A estratigrafia, vem do latim stratum + grego graphia, é a descrição de todos os corpos rochosos que formam a crosta da Terra e sua organização em unidades mapeáveis distintas e úteis, com base em suas propriedades ou atributos intrínsecos, com vistas a estabelecer suadistribuição e relações no espaço e sua sucessão no tempo, e para interpretar a história geológica. A estratigrafia é o ramo da geologia que estuda os estratos ou camadas de rochas, buscando determinar os processos e eventos que as formaram. Basicamente segue o princípio da sobreposição das camadas. O estudo e definições da estratigrafia numa escala global são elaboradas pela The InternationalCommission on Stratigraphy (Comissão Internacional de Estratigrafia) que, por sua vez, é o maior corpo científico dentro da International Union of Geological Sciences (União Internacional das Ciências Geológicas). A estratigrafia evoluiu bastante desde sua concepção. Atualmente a Estratigrafia de Seqüências pode ser considerada o último grande avanço científico mundial.2.1.Princípios da Estratigrafia


Os Princípios da Estratigrafia possibilitam o estabelecimento de uma cronologia relativa da história da Terra. A cronologia absoluta da Terra (datação absoluta) é feita principalmente com base nos métodos radiométricos. Os princípios da estratigrafia são utilizados para a datação relativa das rochas estratificadas. São eles:
Princípio da Superposição: em umconjunto de estratos, aquele superposto a outro é mais novo do que este, que é mais antigo do que aquele.
Princípio das Relações de Interseção: uma rocha ígnea intrusiva, uma falha ou uma discordância (ou qualquer feição discordante) que secciona um estrato (ou seqüência de estratos) qualquer é sempre mais novo do que este.
Princípio da Identidade Paleontológica: baseado na Lei da SucessãoOrgânica. Em uma sucessão vertical de estratos, um conjunto de organismos fósseis cedelugar a outro sem voltar jamais a reaparecer, sendo essa sucessão no sentido de uma diversificação e aperfeiçoamento crescentes das espécies.
Discordâncias
As seqüências estratigráficas (sedimentares) não são, no entanto, completas. Existem nelas importantes interrupções causadas tanto por eventos de...
tracking img