Estatuto de igreja

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1801 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 30 de agosto de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
ESTATUTOS DA (NOME DA IGREJA)
Capítulo 1
DA DENOMINAÇÃO, SEDE, FINS E DURAÇÃO
Art. 1º - A (NOME DA IGREJA), também designada oficialmente por sua sigla (SIGLA DA IGREJA),doravante neste Estatuto designada por igreja, é uma sociedade religiosa constituída decrentes em Nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo, com sede e foro civil em (NOME DA CIDADE),organizada de acordo com os princípiosbíblicos, tem por fim prestar culto a Deus Pai, Filho eEspírito Santo, em espírito e verdade; pregar o Evangelho em toda a sua integridade econteúdo bíblico; batizar os seus conversos, e apresentar ao Senhor em consagração os seusfilhos menores e os que se acharem sob sua guarda; ensinar as doutrinas da fé cristãreformada e bíblica aos fiéis, na sua pureza e integridade; promover a aplicação dosprincípiosde amor cristão e o crescimento de seus membros na graça e no conhecimento do únicoSenhor da Igreja, Jesus Cristo; e desenvolver ações de caráter social, educacional, cultural,recreativo, terapêutico e beneficente, atendendo o ser humano integral.§ único - A Igreja funciona por tempo indeterminado e com número ilimitado de membros.
Art. 2º - A (NOME DA IGREJA) é autônoma e soberana em suasdecisões, e não está sujeita aqualquer outra igreja ou autoridade eclesiástica, reconhecendo apenas a autoridade de nossoSenhor e Salvador Jesus Cristo, expressa nas Sagradas Escrituras, no sentido espiritual, ereconhecendo e respeitando as autoridades constituídas na forma da Lei do Estado, conformemanda a própria Bíblia.§ único – A (NOME DA IGREJA) pode se associar a outra igreja ou ministério, desdeque estaassociação seja apenas em caráter espiritual.Capítulo 2 – COMPOSIÇÃO, ADMINISTRAÇÃO, REPRESENTAÇÃO
Art. 3º - A igreja é composta por pessoas que aceitam voluntariamente as suas doutrina edisciplina, sem distinção de idade, sexo ou nacionalidade, por ela recebidas em reunião daMesa Diretora na qualidade de MEMBROS e apresentadas a igreja em culto público.§ 1O – Perderá a condição de membroaquele que solicitar ou que seja excluído pela igreja emassembléia.§ 2o – Nenhum direito patrimonial terá quem for desligado da igreja, seja a que título for.
Art. 4o – Os direitos e deveres dos membros ativos da igreja são:a)participar da comunhão com os demais, como povo de Deus, apresentando-se nascelebrações das ordenanças, e em outras atividades da Igreja, com freqüência epontualidade;b)viver sensata, justa e piedosamente de acordo com a doutrina e prática dos ensinosbíblicos;c)propagar a fé cristã, usando seus dons a serviço da Igreja;d)participar de todas as etapas da Escada do Sucesso da Igreja em Células no Governodos Doze, que são: Ganhar, através das Células de Evangelismo, Relacionamentos Redentores,Eventos de Colheita, Redes Ministeriais e Celebrações; Consolidar, através doPré-Encontro, Encontro e Pós-Encontro; Treinar, através do Discipulado eficiente na Escola deLíderes, Seminário de Capacitação e Células de Edificação; Enviar numa missãoevangelizadora a partir da autoctonia cultural (nossa Jerusalém), indo a regiões subjacentes(Judéia e Samaria) até os lugares mais remotos, mais distantes, que atravesse uma fronteiracultural. (os confins da terra).e)sustentarfinanceiramente a Igreja com seus dízimos e ofertas;f)participar das reuniões das assembléias da igreja;
g)obedecer às autoridades da Igreja enquanto estas permanecerem fiéis aos ensinos dasSagradas Escrituras e ao Regimento Internoh)ser indicado para redes ministeriais, departamentos, equipes de apoio, etc.;i)apresentar e dedicar publicamente os seus filhos menores ao Senhor e os que seacharem sobsua guarda.Art. 5º - A administração civil da igreja compete a uma Mesa Diretora, que se compõe de umpresidente, um vice-presidente, um secretário e um tesoureiro, que não serão remunerados pelo exercício dessasfunções, que executam as deliberações da igreja na forma deste estatuto e que façam parteda Célula de Edificação do Pastor Titular.§ 1o – O cargo de presidente será sempre exercido...
tracking img