Ergonomia nr 17

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1848 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 13 de junho de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Ergonomia
NR-17

Universidade Plínio Leite – Anhanguera
Matéria:
Professor:
Turma: 1ª série de Arquitetura e Urbanismo
Grupo: Natália da Silva
Amanda da Silva
Bianca Silva
Gisele Roza



ERGONOMIA – NR 17

Introdução
A palavra ergonomia é a junção de duaspalavras gregas; ergon que significa trabalho e nomos que significa regras de organização. São regras para se organizar o trabalho, designa o conjunto de disciplinas que estuda a organização do trabalho no qual existe interações entre seres humanos e máquinas. 
Partindo do princípio de que o ambiente de trabalho deve se adequar ao trabalhor e não o contrário busca modificar os sistemas de trabalho paraadequar as características, habilidades e limitações dos colaboradores, obtendo assim uma produção eficiente, confortável e segura ou seja é a busca da qualidade de vida no trabalho.
Pode ser aplicada em vários setores de atividade: industrial, hospitalar, escolar, transportes, sistemas informatizados, etc

Norma Regulamentadora 17
17.1. Esta Norma Regulamentadora visa a estabelecerparâmetros que permitam a adaptação das condições de trabalho às características psicofisiológicas dos trabalhadores, de modo a proporcionar um máximo de conforto, segurança e desempenho eficiente.
17.1.1. As condições de trabalho incluem aspectos relacionados ao levantamento, transporte e descarga de materiais, ao mobiliário, aos equipamentos e às condições ambientais do posto de trabalho e à própriaorganização do trabalho.
17.1.2. Para avaliar a adaptação das condições de trabalho às características psicofisiológicas dos trabalhadores, cabe ao empregador realizar a análise ergonômica do trabalho, devendo a mesma abordar, no mínimo, as condições de trabalho.

Objetivo da Ergonomia
O principal objetivo da ergonomia é desenvolver e aplicar técnicas de adaptação do homem ao seu trabalho eformas eficientes e seguras de o desempenhar visando a otimização do bem-estar e, consequentemente, aumento da produtividade.

Desenvolvimento

A Associação Internacional de Ergonomia divide a ergonomia em três domínios de especialização

* Ergonomia física: está relacionada com às características da anatomia humana, antropometria, fisiologia e biomecânica em sua relação a atividade física.Exemplos: da postura no trabalho, manuseio de materiais, movimentos repetitivos, distúrbios músculo-esqueletais relacionados ao trabalho, projeto de posto de trabalho, segurança e saúde.

* Ergonomia cognitiva: refere-se aos processos mentais, tais como percepção, memória, raciocínio e resposta motora conforme afetem as interações entre seres humanos e outros elementos de um sistema.Exemplos: a carga mental de trabalho, tomada de decisão, desempenho especializado, interação homem computador, estresse e treinamento conforme esses se relacionem a projetos envolvendo seres humanos e sistemas.


* Ergonomia organizacional: é como a empresa entende a tarefa, e define sua forma de execução, de forma mais produtiva e salutar para colaborador. Exemplos: projeto de trabalho,organização temporal do trabalho, trabalho em grupo, projeto participativo, trabalho cooperativo, cultura organizacional, organizações em rede e gestão da qualidade.


Riscos Ergonômicos
São os fatores psico- fisiológicos relacionados ao trabalho que o ser humano fica exposto durante o desenvolvimento de suas atividades.
Tipos de Riscos
Trabalho físico pesado, posturas incorretas,treinamentos inadequados ou inesistentes, trabalho noturno, monotonia, ritmo excessivo, pressão explícita ou implícita para manter esse ritmo, patamares de metas de produção crescentes sem a adequação das condições para atingi-las e etc.
Dentre esses riscos podemos definir dois tipos de doenças causada pela ergonomia;

* mecânica: pela repetição de um mesmo movimento( LER – lesão por esforço...
tracking img