Enpeendedorismo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2203 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de março de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
O empreendedorismo no Brasil
O movimento do empreendedorismo no Brasil começou a tomar forma na década de 1990, quando entidades como Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas) e Softex (Sociedade Brasileira
para Exportação de Software) foram criadas. Antes disso, praticamente não
se falava em empreendedorismo e em criação de pequenas empresas. Os
ambientes político eeconômico do país não eram propícios, e o empreendedor praticamente não encontrava informações para auxiliá-lo na jornada
empreen dedora. O Sebrae é um dos órgãos mais conhecidos do pequeno
empresário brasileiro, que busca junto a essa entidade todo o suporte de que
precisa para iniciar sua empresa, bem como consultorias para resolver pequenos problemas pontuais de seu negócio. O histórico daentidade Softex pode
ser confundido com o histórico do empreendedorismo no Brasil na década
de 1990. A entidade foi criada com o intuito de levar as empresas de software
do país ao mercado externo, por meio de várias ações que proporcionavam ao
empresário de informática a capacitação em gestão e tecnologia.
Fonte: GEM 2010 – Executive Report e GEM 2010 – Relatório Executivo: Empreendedorismo noBrasil
Economias movidas por fatores: economias baseadas na extração e comercialização de recursos naturais, doravante tratadas aqui como países impulsionados por fatores.
Economias movidas por efi ciência: economias norteadas para a efi ciência e a produção industrial em escala, que se confi guram como os principais motores de desenvolvimento, doravante nominados países impulsionados pela eficiência.
Economias movidas por inovação: economias fundamentadas na inovação ou simplesmente impulsionadas por ela.
60%
50%
40%
30%
20%
10%
0%
Egito
Paquistão
Arábia Saudita
Cisjordânia e Faixa de
Gaza
Jamaica
Irã
Guatemala
Uganda
Angola
Zâmbia
Gana
Bolívia
Rússia
Romênia
Malásia
Croácia
Tunísia
Hungria
Bósnia e Herzegovina
Macedônia
Taiwan
Turquia
África do SulLetônia
Uruguai
Costa Rica
Argentina
China
Montenegro
Trinidade e Tobago
Chile
Brasil
Colômbia
Equador
Peru
Itália
Japão
Bélgica
Dinamarca
Alemanha
Espanha
Portugal
Eslovênia
Suécia
Suíça
Grécia
Israel
Finlândia
Reino Unido
Coréia
Irlanda
Países Baixos/Holanda
Estados Unidos
Noruega
Austrália
Islândia
Porcentagem da população adulta entre 18-64 anos Economias movidas porfatores Economias movidas por eficiência Economias movidas por inovação
Empreendedorismo - miolo.indd 14 20/10/2011 16:45:3715
2
O Processo Empreendedor W
Foi com os programas criados no âmbito da Softex em todo o país, junto
a incubadoras de empresas e a universidades/cursos de ciências da computação/informática, que o tema empreendedorismo começou a despertar na
sociedade brasileira.Até então, palavras como plano de negócios (business
plan) eram praticamente desconhecidas e até ridicularizadas pelos pequenos
empresários. Passados 20 anos, pode-se dizer que o Brasil entra na segunda década deste novo milênio com todo o potencial para desenvolver um
dos maiores programas de ensino de empreendedorismo de todo o mundo,
comparável apenas aos Estados Unidos, onde mais de duas milescolas ensinam empreendedorismo. Seria apenas ousadia se não fosse possível. Ações
históricas e algumas mais recentes desenvolvidas começam a apontar para
essa direção. O infográi co que acompanha o livro apresenta esta evolução
histórica. Seguem alguns exemplos:
1. Os programas Softex e Genesis (Geração de Novas Empresas de Software, Informação e Serviços), criados na década de 1990 e queaté há
pouco tempo apoiavam atividades de empreendedorismo em software,
estimulando o ensino da disciplina em universidades, e a geração de
novas empresas de software (start-ups). O programa Softex foi reformulado e continua em atividade. Informações podem ser obtidas em
www.softex.br.
2. O programa Brasil Empreendedor, do Governo Federal, que foi dirigido
à capacitação de mais de 6...
tracking img