Encontro marcado com a loucura

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 24 (5924 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 25 de março de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
III CONGRESSO INTERNACIONAL DE PSICOPATOLOGIA
FUNDAMENTAL
IX CONGRESSO BRASILEIRO DE PSICOPATOLOGIA FUNDAMENTAL

MESA REDONDA: Corpo, Identidade e Sofrimento Psíquico

O CORPO IDEAL EM TEMPOS ‘HIPERMODERNOS’: ‘MODERAÇÕES EM
EXCESSO
Autora: Maria de Fátima Vieira Severiano1
O presente trabalho se insere na linha de pesquisa sobre Subjetividades
Contemporâneas e Cultura de Consumo, emespecial recolhe dados de um projeto de
pesquisa

intitulado

“As

vozes

corpo

idealizado

do

consumo:

paradoxos

da

hipermodernidade midiática” realizado no LAPSUS (Laboratório de Psicologia em
Subjetividade e Sociedade – Depto de Psicologia – UFC) com o objetivo de evidenciar as
atuais formas de sofrimento psíquico e social potencializadas pela demanda midiática de
umcorpo “ideal”, a partir da investigação dos transtornos de bulimia, anorexia e vigorexia.
Pesquisas

anteriores

(2004/2005)

nos

apontaram

que

entre

os

objetos

paradigmáticos do consumo contemporâneo – celulares, carros, computadores, cartões de
crédito etc. –, um outro “objeto” se destaca de forma especial, permeando e dando suporte a
todos os demais: o corpo. Este,considerado por Baudrillard (1970) como “o mais belo
objeto de consumo” é enquadrado, contemporaneamente, na lógica fetichista da
mercadoria, à semelhança de qualquer outro objeto. Ainda mais agudamente que os demais
objetos, “o corpo ideal” veiculado pela mídia contemporânea encarna uma promessa
implícita de inclusão social, diferenciação, status, prazer, poder, amor, enfim, felicidade.
Osestudos sobre Cultura do consumo partem de alguns pressupostos:
1. A publicidade contemporânea – regida pela “lógica do mercado” – utiliza-se
predominantemente da lógica da realização dos desejos, subordinando-a aos seus
1

Psicóloga; Professora Associada do Depto. de Psicologia da Universidade Federal do Ceará; Doutora em
Estudos Sociais Aplicados pela UNICAMP e Universidad Complutense deMadrid (Psicologia Social).
Desenvolve pesquisas no Laboratório de Psicologia em subjetividade e Sociedade (LAPSUS) sobre Cultura
do consumo e subjetividade – UFC.

1

fins. Daí argumentarmos que a atual lógica da mercadoria ao agregar atributos
subjetivos idealizados passa não apenas a refletir ou a expressar as subjetividades de
seus consumidores, mas torna-se, ela própria, uma dasprincipais produtoras de
subjetividade narcísica em paulatina substituição aos tradicionais vínculos sociais
baseados em tradições locais, políticas, éticas e religiosas.
2. A “cultura do narcisismo” (Lasch, 1983) constitui-se na forma que as sociedades
capitalistas modernas assumiram, principalmente a partir das últimas duas décadas.
Consiste basicamente numa preocupação acentuada, proveniente detodos os
campos, com a realização individual privada em estreita ligação com as opções do
consumidor. A beleza, a juventude, a felicidade, etc. são cada vez mais
reivindicados pela indústria cultural como um bem a ser adquirido imediatamente
através do consumo.
3. Os atuais apelos publicitários fundam-se preponderantemente na esfera dos ideais.
Isto significa dizer que não está em jogomeramente a venda de uma mercadoria,
mas a obturação de uma falta, a realização de um desejo.
4. Os atributos ideais veiculados pela publicidade tentam, em última instância, aplacar
os sentimentos de “impotência/desamparo” (referidos por Freud em o “Mal Estar
da Civilização”), considerados como a condição estrutural de ingresso do homem na
civilização. Tais sentimentos seriam advindos de três fontesde sofrimento originais:
“o poder superior da natureza, a fragilidade de nossos próprios corpos (decrepitude
e morte) e as relações com os outros (a inadequação das regras que procuram
ajustar os relacionamentos mútuos dos seres humanos na família, no Estado e na
Sociedade)” (p.105)
5. Mitigar a impotência diante da inevitabilidade da decrepitude do corpo é, em
nossa cultura hedonista, um...
tracking img