Economia internacional

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 22 (5338 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 17 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
[pic]



















FLUXOS DE CAPITAIS E RESERVAS INTERNACIONAIS


O INVESTIMENTO EXTERNO DIRETO – IED


A GLOBALIZAÇÃO FINANCEIRA E PRODUTIVA






O movimento internacional de capitais tem recebido grande atenção na literatura econômica. A importância do tema decorre do fato de que o fluxo internacional de capitais tem múltiplasfunções, principalmente o financiamento do crescimento econômico, a estabilização dos ciclos econômicos e o ajustamento das contas externas.


De fato, os fluxos internacionais de capital, suas tendências e flutuações, são determinantes importantes do desempenho econômico dos países, assim como das diretrizes, opções ou escolhas de política econômica. Nos últimos vinte anos o processode globalização financeira tornou ainda mais significativos o impacto e a influência do movimento internacional de capitais sobre economias nacionais.


A poupança externa pode desempenhar um importante papel no processo de financiamento do crescimento econômico de países com Taxa de investimento maior do que a poupança interna. Por fim, o desequilíbrio no comércio exterior de bens eserviços (déficit ou superávit) provoca um movimento internacional de capitais autônomos ou compensatórios, de forma que o balanço de pagamentos expressa o equilíbrio entre débitos e créditos.


O registro das transações entre residentes e não-residentes é o balanço de pagamentos. O quadro 1 apresenta a estrutura básica do balanço de pagamentos. Esse registro de fluxos corresponde aum período dado de tempo, geralmente um ano, e inclui todas as transações de bens, serviços e fatores. Assim:



X – M – K – R = 0 (1)


X – M = K + R (2)






As exportações de bens e serviços são representadas por X, enquanto as importações são representadas por M. O movimento internacional de capitais (exportação líquida de capitais) é K, e o aumento das reservasinternacionais é R. Essa identidade contábil mostra, simplesmente, que um excesso de exportação de bens e serviços sobre a importação de bens e serviços é idêntico à soma da exportação de capitais com o aumento das reservas internacionais do país.


Na estrutura do balanço de pagamentos as exportações e importações compõem a conta de transações correntes, enquanto o fluxointernacional de capitais está registrado na conta de capital. Na conta de transações correntes registra-se a transferência de mercadorias (bens e serviços), enquanto na conta de capital registra-se a transferência de direitos (ativos para o investidor). O aumento das reservas internacionais também corresponde a uma transferência de direitos com o acúmulo de moedas de outros países (ativos monetários).Quadro 1. Balanço de Pagamentos: estrutura básica

|A) BALANÇA COMERCIAL DE BENS |
|Exportação |
|Importação|
|BALANÇA COMERCIAL DE SERVIÇOS (NÃO-FATORES) |
|Governamentais |
|Transporte |
|Viagens|
|Seguros |
|Serviços diversos |
|CONTA DE SERVIÇOS RELATIVOS A FATORES...
tracking img