Desenvolvimento infantil

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 19 (4580 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 27 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
INTRODUÇÃO



O presente trabalho tem como tema a criança e o seu desenvolvimento, tendo como problema de pesquisa esclarecer qual a contribuição do psicólogo no ambiente escolar.

A pesquisa surgiu a partir do interesse em duas vertentes da Psicologia: a área Escolar (especificamente no que se refere às questões de aprendizagem) e a área Comportamental (no que diz respeitoaos relacionamentos interpessoais entre as crianças e suas relações familiares).

Para a relevância pessoal acadêmica, a pesquisa busca compreender como o futuro profissional da área de Psicologia pode atuar com eficiência, responsabilidade e com grande teor de conhecimento específico, pois é de suma importância possuir um conhecimento claro, objetivo e atualizado sobre o assunto emquestão.

Com base no estudo será desenvolvido, posteriormente, um projeto de intervenção com objetivo de contribuir com a instituição em questão, mas principalmente de poder agregar para as crianças que nela se abrigam.


















1. Educação no Brasil



A Psicologia aplicada ao âmbito educacional surgiu como uma área de conhecimento com objetivo de estudarquestões voltadas à educação escolar. Na década de 40 tornou-se prática profissional e desta práxis surgiram também os termos Psicologia Escolar e Psicologia Educacional, ambos com diferentes funções, um designando aspectos práticos e o outro aspectos teóricos, respectivamente (MEIRA, 2000)
De acordo com Barbosa e Marinho-Araujo (2010) um dos primeiros movimentos da Psicologia Escolar noséculo XIX estava ligado aos trabalhos realizados por Stanley Hall, nos Estados Unidos. Enquanto no cenário europeu, sobressaía a desenvolvida na França, caracterizada principalmente pela intervenção psicológica junto aos alunos com necessidades escolares especiais e pelos trabalhos desenvolvidos por Alfred Binet, que focalizava, dentre outros objetivos, o desenvolvimento de instrumentospsicométricos capazes de avaliar a inteligência humana.
A Psicologia Escolar norte-americana e a francesa configuraram-se como as duas principais fontes de influência na área por todo o mundo, inclusive no Brasil. A esse respeito, Campos e Jucá (2006) relatam que a Psicologia Escolar no Brasil se configurou menos como ciência experimental, voltada para a pesquisa básica, produção de conhecimentos, emais como um campo de aplicação na medicina e na educação.
Cruces (2006) destacou que a Psicologia desenvolveu-se no Brasil principalmente para atender problemas da educação, sobretudo a formação de professores, mas não como área específica de atuação em psicologia escolar. Nessa perspectiva, foram criados, em vários estados brasileiros, laboratórios de Psicologia ligados às escolasnormais, onde eram desenvolvidas pesquisas junto aos alunos com necessidades especiais e dificuldades de aprendizagem.
Pode-se perceber que a principal característica da atuação em Psicologia Escolar durante a primeira metade do século XX foi o caráter remediativo com o qual se tratavam os problemas de desenvolvimento e aprendizagem. Esse fato evidencia a forte influência da medicina e aconsolidação de uma atuação clínica no trabalho do psicólogo escolar junto aos contextos educacionais, nos quais se privilegiava o enfoque psicométrico por meio da avaliação da prontidão escolar, da organização de classes para alunos considerados especiais, dos diagnósticos e dos encaminhamentos para serviços especializados (Campos & Jucá, 2006; Guzzo, 2001).
Pode-se concluir que a PsicologiaEscolar provém da psicometria, em especial da aplicação de testes psicológicos, com a atuação do psicólogo escolar voltada para o diagnóstico e “cura” dos problemas de aprendizagem apresentados pelos alunos (ALMEIDA, 1999).
A atuação do psicólogo pode ser dar em escolas, abrigos, creches, que são ambientes educacionais onde a educação representa os métodos de ensinar e aprender. É um...
tracking img