Desenho

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1416 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 11 de julho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Corte total
Qualquer pessoa que já tenha visto um registro de gaveta de gaveta de gaveta de gaveta o de gaveta, como o que é mostrado a seguir, sabe que se trata de uma peça complexa, com muitos elementos internos.

Se fôssemos representar o registro de gaveta em vista frontal, com os recursos que conhecemos até agora (linha contínualarga para arestas e contornos visíveis e linha tracejada estreita para arestas e contornos não visíveis), a interpretação ficaria bastante prejudicada, como mostra o desenho a seguir.

Corte
Cortar quer dizer dividir, secionar, separar partes de um todo. Corte é um recurso utilizado em diversas áreas do ensino, para facilitar o estudo do interior dos objetos. Em Mecânica, também se utilizammodelos representados em corte para facilitar o estudo de sua estrutura interna e de seu funcionamento.
Mas, nem sempre é possível aplicar cortes reais nos objetos, para seu estudo. Em certos casos, você deve apenas imaginar que os cortes foram feitos. É o que acontece em desenho técnico mecânico.

Corte total

Corte total é aquele que atinge a peça em toda a sua extensão.

Lembre-se que emdesenho técnico mecânico os cortes são apenas imaginários. Os cortes são imaginados e representados sempre que for necessário mostrar elementos internos da peça ou elementos que não estejam visíveis na posição em que se encontra o observador. Você deve considerar o corte realizado por um plano de corte plano de corte plano de corte plano de corte plano de corte, também imaginário. No caso de cortetotal, o plano de corte atravessa completamente a peça, atingindo suas partes maciças, como mostra a figura a seguir.

Corte nas vistas do desenho técnico

Os cortes podem ser representados em qualquer das vistas do desenho técnico mecânico. A escolha da vista onde o corte é representado depende dos elementos que se quer destacar e da posição de onde o observador imagina o corte.

Corte navista frontal
Considere o modelo abaixo, visto de frente por um observador.

Nesta posição, o observador não vê os furos redondos nem o furo quadrado da base. Para que estes elementos sejam visíveis, é necessário imaginar o corte. Imagine o modelo secionado, isto é, atravessado por um plano de corte, como mostra a ilustração.

O plano de corte paralelo ao plano de projeção vertical é chamadoplano longitudinal vertical longitudinal vertical longitudinal vertical longitudinal vertical longitudinal vertical. Este plano de corte divide o modelo ao meio, em toda sua extensão, atingindo todos os elementos da peça.
A vista frontal do modelo analisado, com corte, deve ser representada como segue.

As partes maciças do modelo, atingidas pelo plano de corte, são representadas hachuradasNeste exemplo, as hachuras são formadas por linhas estreitas inclinadas e paralelas entre si. As hachuras são formas convencionais de representar as partes maciças atingidas pelo corte. A ABNT estabelece o tipo de hachura para cada material. Mais adiante, você conhecerá a norma técnica que trata deste assunto. O tipo de hachura usado no desenho anterior indica que o materialempregado na confecção deste modelo é metal. Os furos não recebem hachuras, pois são partes partes ocas partes ocas partes ocas partes ocas partes ocas que não foram atingidas pelo plano de corte. Os centros dos furos são determinados pelas linhas de centro linhas de centro linhas de centro linhas de centro linhas de centro, que também devem ser representadas nas vistas em corte.

Indicação doplano de corte

Observe novamente o modelo secionado e, ao lado, suas vistas ortográficas.

A vista superior e a vista lateral esquerda não devem ser representadas em corte porque o observador não as imaginou atingidas pelo plano de corte. A vista frontal está representada em corte porque o observador imaginou o corte vendo o modelo de frente. Sob a vista representada em corte, no caso a vista...
tracking img