Derivadas

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 25 (6056 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de abril de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
RELATÓRIO DA ADMINISTRAÇÃO
Senhores Acionistas, De acordo com as disposições legais e estatutárias, submetemos à sua apreciação as demonstrações financeiras relativas ao semestre findo em 30 de junho de 2009. No primeiro semestre de 2009, a Unimed Seguradora obteve receita de prêmios retidos de R$110,788milhões - 15,10% maior que a auferida no mesmo período do ano anterior, valor líquido dorepasse de co-seguro cedido. Operacionalmente, a Companhia melhorou seu desempenho, na comparação dos primeiros semestres de 2009 e 2008 (índice combinado de 0,87, contra 0,91 em junho de 2008) a sinistralidade se manteve estável, passando de 45,78% para 46,46% em junho de 2009, e as despesas comerciais e administrativas apresentaram pequena elevação para 12,01% e 21,07%, respectivamente. A renda decontribuições de previdência complementar e prêmios de VGBL apresentaram crescimento de 6,67% em relação ao primeiro semestre de 2008 - o resultado desta operação, aliado ao investimento na controlada Unimed Seguros Saúde - que gerou equivalência patrimonial positiva de R$5,067milhões, contribuíram para a formação do lucro líquido de R$16,700milhões, valor 32,62% menor que o auferido no mesmo períododo ano anterior, resultado da elevada sinistralidade observada na operação do ramo saúde, que, em média, subiu 6,6 pontos porcentuais na comparação dos dois semestres analisados, passando de 72,30% para 78,86%, reduzindo o resultado da controlada no período. A Companhia pagou a seus acionistas, a partir de 15 de dezembro de 2008, juros sobre capital próprio relativos ao exercício de 2008 nomontante de R$3,444milhões, valor líquido da retenção de 15% de IR na fonte, conforme previsto no parágrafo 7º, do Artigo 9º, da Lei nº 9.249/95, conforme deliberado na AGE de 19 de novembro de 2008. Tal valor foi imputado ao dividendo mínimo obrigatório equivalente a 10% do saldo remanescente do lucro líquido após a constituição de 5% da Reserva Legal, de acordo com o previsto no Estatuto Social daCompanhia, em seu Artigo 30, §1º, item b. Em Assembleia Geral Ordinária (AGO) ocorrida em 26 de março de 2009, foi deliberada a destinação de dividendos complementares sobre as demonstrações financeiras de 31 de dezembro de 2008 no valor de R$2milhões, a partir de abril de 2009; dessa forma, a distribuição de dividendos sobre o resultado obtido em 2008 totalizou R$5,444milhões, equivalente a 15,35%do saldo remanescente do lucro líquido após a constituição de 5% da Reserva Legal. Cabe informar que na Companhia não existe, até o momento, acordos de acionistas, como também não foram procedidas reorganizações societárias e/ou alterações de controle acionário, direto ou indireto, no decorrer do primeiro semestre de 2009. Para a Companhia, a perspectiva para o segundo semestre é de melhoria naatividade econômica brasileira e mundial, como resultado: a) da percepção de que um cenário de catástrofe no sistema financeiro e, consequentemente, na economia real, tornou-se improvável, dada a melhora na situação dos bancos internacionais e da confiança dos empresários no mundo inteiro; b) da surpresa do tamanho da resposta da política econômica à crise; c) de uma deterioração branda do mercado detrabalho frente à queda vista na produção industrial no final de 2008; e d) de uma recuperação mais rápida que a esperada para o nível de atividade, com a conclusão do processo de ajuste de estoques. No Brasil, a expectativa de mercado aponta recuperação da atividade frente ao último trimestre de 2008; no entanto, o PIB e a produção industrial deverão encerrar o ano acumulando queda por causa daforte base de comparação que foi o ano passado. Quanto à inflação, o IPCA deverá permanecer abaixo do centro da meta; a taxa Selic, por seu turno, deverá permanecer no patamar de 8,75% a.a. até o final deste ano. Contudo, alguns fatores ainda sugerem atenção com o futuro da economia mundial, porque parte dessa recuperação é fruto de estímulos públicos, que deverão perder força ainda em 2009. Por...
tracking img