Custos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 22 (5497 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Universidade Tecnológica Federal do Paraná - UTFPR Campus Ponta Grossa - Paraná - Brasil ISSN 1808-0448 / v. 07, n. 02: p. 187-200, 2011 D.O.I.: 10.3895/S1808-04482011000200010

Revista Gestão Industrial

POLÍTICA DE COMPRA E REPOSIÇÃO DE ESTOQUES EM UMA EMPRESA DE PEQUENO PORTE DO RAMO ATACADISTA DE MATERIAIS PARA CONSTRUÇÃO CIVIL INVENTORY PURCHASING AND REPLENISHMENT POLICY FOR A SMALLWHOLESALER COMPANY OF FIXTURES FROM THE BUILDING CONSTRUCTION INDUSTRY
Diego Telles Provin1; Miguel Afonso Sellitto2 1 Universidade do Vale do Rio dos Sinos – UNISINOS – São Leopoldo – Brasil diegoprovin@bol.com.br 2 Universidade do Vale do Rio dos Sinos – UNISINOS – São Leopoldo – Brasil sellitto@unisinos.br Resumo Este artigo apresenta um estudo de caso sobre Gestão de Estoques em um atacadista noramo de construção civil. O trabalho foi estruturado a partir de revisões de literaturas sobre os conceitos de Gestão de Estoques. Foram apresentadas as formas de gestão de estoque presentes nas bibliografias e um comparativo com a atual situação dos níveis de estoques da empresa, a fim de propor uma política de estoques. A utilização de estoques é feita durante o tempo de ressuprimento e éimportante, pois possibilita um melhor atendimento ao cliente e melhora a competitividade da empresa em relação aos seus concorrentes, porém deve ser gerenciado constantemente para evitar despesas desnecessárias. O método de gestão foi aplicado em quatro produtos de uma linha de louças sanitárias que a empresa possui no seu mix de produtos. Palavras-chave: gestão de estoque; nível de serviço; tempo deressuprimento; ponto de pedido; lote econômico de compra. 1. Introdução A logística surgiu no meio militar e era comumente utilizada para armazenar os armamentos e mantimentos das tropas dos exércitos, bem com para transportar soldados de um território para outro. Para Ballou (1993), investir em melhorias na logística é uma das formas mais rápidas de obtenção de resultados na atividadeempresarial. Com isso torna-se possível a redução de custos de estocagem que podem ser repassados aos clientes representando um aumento da competitividade para a empresa. O excesso de estoque gera custo, mas baixo estoque gera insatisfação de clientes: o ponto de equilíbrio estaria no centro desses dois extremos que é o principal objetivo de gestores de estoque. Os estoques são fundamentais na atividadeempresarial, pois garantem elevados níveis de

serviço aos clientes. Porém, se forem demasiados, podem se tornar maléficos à saúde financeira das empresas (BALLOU, 2006). Quando a economia brasileira era governada por altas taxas de inflação, as compras eram geridas da forma “quanto maior ou mais antecipado o estoque, melhor”. Altos níveis de estoque eram sinônimos de retorno futuro, pois os preçossubiam continuamente e manter valores sob a forma de materiais mostrava-se vantajoso. Hoje a realidade é outra e manter altos níveis de estoques passou a implicar altos custos para a atividade empresarial. Determinar quanto e quando comprar, qual o nível de estoque de segurança e de cobertura é o papel dos gestores de estoque. Alguns itens devem ser tratados de forma diferente, pois tratam de umalto nível de investimentos ou que possuem um grande impacto no faturamento da empresa (BERTAGLIA, 2003). Chopra e Meindl (2003) afirmam que estoque existe na cadeia de suprimento devido a uma inadequação entre suprimento e demanda. Segundo Ballou (1993), o estoque é o amortecedor entre a oferta e a demanda. Gerenciar estoques é equilibrar a disponibilidade de produtos ou serviço, ao consumidor(BALLOU, 2006). Um problema clássico da Engenharia de Produção é a determinação do esquema ótimo de renovação do estoque de uma certa mercadoria, (ALVARENGA; NOVAES, 2000). Na economia atual é responsabilidade das empresas determinarem como os serviços logísticos devem ser realizados, previsão de demanda, estocagem, distribuição e outros. Com a evolução das economias mundiais as empresas devem ter...
tracking img