Cultura uma conceito antropologico

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1169 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 14 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Resenha critica cultura um conceito antropológico
Laraia apresenta uma discussão sobre os diversos conceitos que norteiam a cultura e ao longo do texto aponta que, o homem é o resultado do meio cultural em que foi socializado. Ele é um herdeiro de um longo processo acumulativo, que reflete o conhecimento e a experiência adquirida pelas numerosas gerações que o antecederam. A manipulação adequadae criativa desse patrimônio cultural permite as inovações e invenções. A cultura é posta como uma conjunto de símbolos e praticas norteadoras da vida do homem em sociedade. Não existe uma única forma de se comportar e conviver, portanto a cultura condiciona para Laraia praticas e formas de pensar e agir sobre determinadas situações.
Em determinadas sociedades praticas como estrupo, ou um mesmoindividuo possuir varias esposas podem ser consideradas crime enquanto na África por exemplo o sexo não consentido, é sustenta uma crença de cura a AIDS portanto, nós olhamos para isso e pensamos que como alguém em sã consciência poria acreditar em tal absurdo portanto, faz parte da cultura daqueles, e para nos bigamia é crime. Para a maioria dos países árabes é uma expressão de poder e, pois umhomem só pode ter tantas esposas, quanto possa sustentar, vem a ser uma expressão de poderio e uma pratica comum, para aquela sociedade, religiosas, e acima de tudo pertence a cultura que norteia a vida da maioria dos árabes. A nossa herança cultural, desenvolvida através de inúmeras gerações, sempre nos condicionou a reagir depreciativamente em relação ao comportamento daqueles que agem fora dospadrões aceitos pela maioria da comunidade. Os homens ao contrário das formigas, têm a capacidade de questionar seus próprios hábitos e modificá-los.
A seguir, o autor mostra como foi surgindo e sendo delineado o conceito de cultura desde os antecedentes históricos da definição do conceito, como Locke que postulava a mente humana como "tabula rasa", passando pela definição clássica de Tylor, aprimeira definição de cultura do ponto de vista antropológico, ainda com uma perspectiva evolucionista segundo a qual haveria uma "escala de civilização" de onde se definiria o progresso cultural. Tal perspectiva foi reproduzida na Antropologia com grande ênfase, graças à influência dos estudos de Charles Darwin, em A origem das espécies. O evolucionismo começa a ser superado a partir dos estudosdo alemão Franz Boas, que, radicado nos EUA, desenvolve o Particularismo Histórico (ou Escola Cultural Americana), "segundo a qual cada cultura segue os seus próprios caminhos em função dos diferentes eventos históricos que enfrentou" . O antropólogo americano Kroeber complementa esta definição, afirmando que cada cultura é o meio de adaptação do homem em relação aos diversos ambientes ecológicos,de modo que não é o aparato biológico que determina a cultura; ao contrário, a adaptação é que exige mudanças em seu "equipamento superorgânico". Laraia volta a este ponto mais à frente, quando trata da questão de como a cultura influencia o aparato biológico humano.
Em seu texto temos uma fundamentada discussão sobre a origem da cultura apresentando algumas breves explicações sobre odesenvolvimento humano, que destacam o desenvolvimento do bipedismo, o da habilidade manual e do cérebro como condições necessário para o surgimento da cultura. Também ganham notabilidade as teses do antropólogo francês Lévi-Strauss, para quem a cultura surge com a primeira norma o que foi visto nas aulas com o professor Germano a proibição do incesto e temos também as teses de Leslie White, que associa acultura à capacidade especificamente humana de gerar símbolos. Laraia também chama a atenção para o fato de que algumas destas teorias parecem supor que a cultura teria surgido de forma súbita, o que pode ser considerado um controvérsia ao longo do texto, pois "a natureza não age por saltos”, o que leva Laraia a concluir, em seu texto, que a cultura se desenvolve gradual e ao mesmo tempo...
tracking img