Criminologia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 3 (551 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
FACULDADE PITÁGORAS DE TEIXEIRA DE FREITAS CURSO DE DIREITO 1º PERÍODO NOTURNO Disciplina: CRIMINOLOGIA Professora: Exma. Eliene Fonseca Chaves

A Escola ou Movimento da Defesa Social.

TEIXEIRA DEFREITAS, BA 2013

Movimento de Defesa Social
Mark Ancel; Gramática; A meta desejada de acordo com Mark Ancel;

.

Jean-Gabriel (de) Tarde (1843-1904)

O Jurista Sociólogo

“Outros conceitos evalores, então, foram agregados à

antiga concepção, favorecendo o surgimento do que se chamou de Nova Defesa Social, de Filippo Grammatica e Marc Ancel, na metade do século passado. Marc Ancel, um dosmais destacados difusores da doutrina, salienta que os seus tentáculos devem ir muito além da exclusiva repressão rigorosa ao crime e ao criminoso, e sugere que as ações de defesa podem ser bem maisamplas. Passam a fazer parte dessa Nova Defesa Social termos e expressões não muito comum para a época: “proteger a sociedade”, “conjunto de medidas extrapenais”, “prevenção”, “ressocialização”,“tratamento”, “humanização do sistema e sua relação com o criminoso”, “possibilidade de reinserção social”, etc.” (FONSECA, 2008)

O Propósito do Movimento da defesa social.
 Recusa castigar do delinquente; Procura a proteção eficaz da sociedade;  Cria-se estratégias, não necessariamente penais, a

partir do conhecimento científico da personalidade do indivíduo;
 Neutralizar a eventual periculosidadede modo

humanitário e individualizado;

A finalidade do Movimento da Defesa Social
A luta e prevenção do delito

Não é monopólio do “mundo jurídico”.
Retira-se parcelas do Direito Penal

Em função deuma Política Criminal eficaz.
As tarefas devem ser compartilhadas com outras disciplinas.

A “nova” Defesa Social

Potencia a finalidade ressocializadora do castigo.

Finalidade protetora dasociedade.

Imagem: Homemdelinquente, membro da sociedade.

Reincorporação do indivíduo, respeitando sua identidade e dignidade.

Dissera Lombroso: “Que ele foi como café... excitou a todos, mas não...
tracking img