Corte e dobra – ferramentas e esforços

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2090 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 3 de dezembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
CORTE E DOBRA – FERRAMENTAS E ESFORÇOS

SÃO PAULO
2012
Índice
1. Objetivo 3
2. Classificação de ferramentas 3
3. Corte 4
Ferramentas utilizadas 4
Prensa-chapas 5
Estampagem por Corte 6
Esforços na Matriz 8
Operações de corte 9
Estampagem por corte – Ferramentas 11
Estampagem profunda 13
4. Dobramento ou encurvamento 14

1. Objetivo

Este trabalho tem por objetivoobtermos maior conhecimento nos processo de corte e dobra e darmos ênfase às ferramentas e os esforços dos processos.
2. Classificação de ferramentas
As ferramentas podem ser classificadas inicialmente, pelas operações que efetuam, temos então:
Ferramentas de corte podem ser classificadas pelo tipo de trabalho:
* Ferramenta de corte simples;
* Ferramenta de corte progressivo;
*Ferramentas de corte total;
Pelas formas da ferramenta:
* Ferramentas de corte; aberta (para corte simples);
* Ferramentas de corte de coberta ou placa de guia (para corte simples ou progressivo);
* Ferramenta de corte com colunas (para simples ou progressivo ou total);
* Ferramentas de corte com guia cilíndrica (para corte total);

Ferramentas para deformação podem serclassificadas somente em função do serviço a ser realizado:
* Ferramentas de dobra em V, U ou L;
* Ferramentas de enrolar (extremos ou total);
* Ferramentas de aplainar;
* Ferramentas de estampar;

Ferramentas de embutir ou repuxar classifica pelo tipo de trabalho:
* Ferramenta de repuxo sem prendedor de chapa (para repuxo de ação simples);
* Ferramenta de repuxo com prendedor dechapa (para repuxo de ação dupla), para prensas de simples e duplo efeito;

Em outros casos as ferramentas podem combinar varias operações, ferramentas combinadas, que podem ser classificadas de diversas formas:
* Ferramentas combinadas totais;
* Ferramentas combinadas progressivas;

Requisitos desejados em uma ferramentas de corte, apesar de que nenhum material apresenta todas estascaracterísticas:
* Resistência à compressão
* Dureza
* Resistência à flexão e tenacidade
* Resistência do gume
* Resistência interna de ligação
* Resistência a quente
* Resistência à oxidação
* Pequena tendência à fusão e caldeamento
* Resistência à abrasão
* Condutibilidade térmica, calor específico e expansão térmica.

3. Corte

Estampagem é oprocesso de fabricação de peças, através do corte ou deformação de chapas. A estampagem de chapas é utilizada para se fabricar peças com paredes finas feitas de chapa ou fita de diversos metais e ligas.
As operações de estampagem podem ser resumidas em três básicas:
* Corte
* Dobramento e encurvamento
* Estampagem profunda ou repuxo.
Como principal desvantagem deste processo, podemosdestacar o alto custo do ferramental, que só pode ser amortizado se a quantidade de peças a produzir for elevada.
Ferramentas utilizadas
Máquinas utilizadas: prensas mecânicas ou hidráulicas.
As prensas mecânicas são quase sempre de ação rápida e aplicam golpes de curta duração, enquanto que as prensas hidráulicas são de ação mais lenta, mas podem aplicar golpes mais longos. As prensas podemrealizar o trabalho em uma só operação ou operações progressivas.

Algumas vezes pode ser utilizado o martelo de queda na conformação de chapas finas. O martelo não permite que a força seja tão bem controlada como nas prensas, por isso não é adequado para operações mais severas de conformação.
As ferramentas básicas utilizadas em uma prensa de conformação de peças metálicas são o punção e a matriz.O punção, normalmente o elemento móvel, é a ferramenta convexa que se acopla com a matriz côncava. Como é necessário um alinhamento acurado entre a matriz e o punção, é comum mantê-los permanentemente montados em uma subprensa, ou porta matriz, que pode ser rapidamente inserida na prensa.

Fig. 1 – Prensa
Prensa-chapas
Geralmente, para evitar a formação de rugas na chapa a conformar usam-se...
tracking img