Conflitos mundias

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 18 (4396 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 5 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
[pic]
República de Angola
Instituto Médio Industrial de Luanda








[pic]





[pic]
Tema problema: os conflitos no mundo e os dereitos humanos
Subtema: Os vários cinflitos a nível mundial (geografico, Histórico, economicos e culturais)
-Os factores que contribuem para a situação de conflito.


Nome : Kelveny Zacarias ramos
Curso: Electronica Industrial eAutomação
Turma: EA11A
N º11
Sala: 52
Ano:2012



















































Introdução

Segundo o dicionário Michaelis, Guerra é uma luta entre nações, por motivos territoriais, econômicos ou ideológicos. Também é um conflito armado pelo controle político entre diferentes grupos dentro da mesma nação, a chamada guerra civil.
São vários os motivos que podem estar por trás de umaguerra, dentre eles a disputa pelo poder, motivações econômicas, a imposição de ideias ou cultura, o confronto entre causas sociais e motivos religiosos ou de etnia.
Uma guerra pode ser classificada em diferentes formas de acordo com as causas, o seu desenvolvimento, a intensidade e outros. O que se pode notar é que uma guerra geralmente tem mais de um motivo, o que pode classificá-la em mais de umamodalidade.






















Focos de conflitos no mundo

No mundo existem regiões que vivem intensos conflitos oriundos de vários motivos, como luta por territórios, pela independência, por questões religiosas, recursos minerais, entre outros.

Em todos os continentes é possível identificar focos de tensão que colocam em risco a paz daqueles que vivem nos locais que estão envolvidos em uma dasquestões acima.

Europa

No continente europeu, um dos principais motivos de conflitos é a questão do povo basco. O povo basco está distribuído no nordeste da Espanha e sudoeste da França. Essa etnia luta pela independência política e territorial há pelo menos 40 anos. Os bascos correspondem a um grupo social de origem não identificada e que provavelmente teria chegado à península Ibérica há 2000anos. Em todo esse tempo, as nações que estão subordinadas preservaram seus principais elementos culturais, como a língua (euskara ou vasconço), costumes e tradições.

A partir desse fato, no ano de 1959, foi criado um movimento com ideias socialistas e separatistas denominado de ETA (Euskadi ta Askatsuna ou Pátria Basca e Liberdade). Com o surgimento desse grupo tiveram início os atentados,sobretudo, às autoridades.

A Irlanda do Norte (Ulster) integra o Reino Unido e por esse motivo as decisões são geradas em Londres. No caso da Irlanda do Norte, o que acontece é a luta entre católicos e protestantes. Os católicos lutam há pelo menos 30 anos em busca da unificação com a República da Irlanda e se opõem aos protestantes, que são a maioria e querem permanecer subordinados ao Reino Unido. Ogrupo responsável pelas ações é formado pela parte católica que criou o Ira (Exército Republicano Irlandês). Esse exército realiza diversos atos terroristas, pois existe uma grande intolerância por parte dos grupos religiosos.

Outro caso de focos de conflitos no continente europeu tem relação com a península balcânica. O desconforto ou descontentamento nesse caso diz respeito às questõesétnicas, uma vez que estão inseridas na região diversas origens de povos, como os sérvios, croatas, eslovenos, montenegrinos, macedônios, bósnios e albaneses. As divergências contidas entre esses povos são desenvolvidas ao longo de muito tempo. O que provoca tensão nessa região é a temática nacionalista e étnica.

África

No continente africano, o que motiva os conflitos é o modo pelo qual o continentefoi dividido. Antes da chegada dos europeus, os africanos viviam em harmonia, pois os grupos rivais se respeitavam e isso não gerava instabilidade. No processo de colonização, os países europeus se reuniram em Berlim, em uma Conferência, para definir a divisão do espaço africano para que esse fosse administrado e explorado pelas nações envolvidas na reunião. Mas as fronteiras impostas pelos...
tracking img