O mito da caverna

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 4 (870 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 5 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Colégio Estadual Presidente Médici

O mito da caverna

São Desiderio BA
Colégio Estadual Presidente Médici

Trabalho de Filosofia apresentado pela
aluna Aline Reis dos Santos, do 3º ano
doensino médio matutino,ao professor
Rafael.

São Desiderio BA

O mito da caverna

O Mito da caverna, talvez é uma das mais poderosas metáforas imaginadas pela filosofia, em qualquer tempo, paradescrever a situação geral em que se encontra a humanidade. Para o filósofo, todos nós estamos condenados a ver sombras a nossa frente e tomá-las como verdadeiras. Essa poderosa crítica à condiçãodos homens, escrita há quase 2500 anos atrás, inspirou e ainda inspira inúmeras reflexões pelos tempos a fora.

O que é o mito

O Mito da Caverna, também conhecido como “Alegoria da Caverna” éuma passagem do livro “A República” do filósofo grego Platão. É mais uma alegoria do que propriamente um mito. É considerada uma das mais importantes alegorias da história da Filosofia. Através destametáfora é possível conhecer uma importante teoria platônica: como, através do conhecimento, é possível captar a existência do mundo sensível (conhecido através dos sentidos) e do mundo inteligível(conhecido somente através da razão).

A Condição Humana

Platão viu a maioria da humanidade condenada a uma infeliz condição. Imaginou (no Livro VII de A República, um diálogo escrito entre380-370 a.C.) todos presos desde a infância no fundo de uma caverna, imobilizados, obrigados pelas correntes que os atavam a olharem sempre a parede em frente. Supondo a seguir que existissem algumaspessoas, uns prisioneiros, carregando para lá para cá, sobre suas cabeças, estatuetas de homens, de animais, vasos, bacias e outros vasilhames, por detrás do muro onde os demais estavam encadeados, havendoainda uma escassa iluminação vindo do fundo do subterrâneo, disse que os habitantes daquele triste lugar só poderiam enxergar o bruxuleio das sombras daqueles objetos, surgindo e se desafazendo...
tracking img