Competitividade e ti

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 24 (5836 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de abril de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
COMPETITIVIDADE- TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

SUMÁRIO

1. INTRODUÇÃO
2. COMPETITIVIDADE – TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO
3. TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO
o COMO A EMPRESA UTILIZA A TECNOLOGIA DENTRO DA ORGANIZAÇÃO.
o INTERNET
o INTRANET
4. QUAL É A TECNOLOGIA UTILIZADA PELAS LOJAS VIRTUAIS
5. PERFIL DA INFORMÁTICA NO MAGAZINE LUIZA
6. METAS DE TI7. IMPLANTAÇÃO DO NOVO SISTEMA DE ERP
8. SISTEMA GEMCO
9. ORGANOGRAMA DE TI
10.PLANEJAMENTO EM TI
11.NOVAS TECNOLOGIAS
12.COMÉRCIO ELETRÔNICO EM TI
13.CRM NO CAMPO
o CADASTRO
o INTERNET
o ATENDIMENTO ON LINE
14.SISTEMA DE E-COMMERCE
15.DADOS HISTÓRICOS
16.A ENTRADA NO COMÉRCIO ELETRÔNICO
17.TELEVENDAS18.LOUNGE
19.LOJAS VIRTUAIS
20.A LOJA VIRTUAL DE TIJOLOS
21.O E-COMMERCE EM NÚMEROS
22.CONCLUSÃO

4
1-INTRODUÇÃO

O que se pretende abordar neste trabalho são temas que possuem íntima ligação: tecnologia, competitividade e gestão de pessoas.
No primeiro momento, abordamos os conceitos de “tecnologia” e competitividade para que,a partir daí, unifiquemos nossa compreensão acerca do assunto.
A evolução cada vez mais acelerada, no campo tecnológico e econômico, reflete no comportamento dos grupos sociais,e são conseqüências do fenômeno chamado globalização.
Por este fenômeno, os cenários das empresas sofrem sucessivas e constantes mudanças. A competitividade está acirrada, o mercado agressivo e oconsumidor mais exigente. Neste contexto, de economia globalizada, onde o país está imerso como ativo comprador e fornecedor, deixa suas empresas suscetíveis á concorrência, além da interna, também a externa.
A perspectiva do consumidor globalizado promove a necessidade de busca constante de tecnologia.
O segundo foco são as mudanças provocadas pela tecnologia aliada à competitividadecomo peça principal à atuação do “ser humano”. Essa sinergia será tratada aqui tomando como base o caso de uma das melhores e maiores empresas do País: a MAGAZINE LUIZA.

2.COMPETITIVIDADE – TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

Há pouco mais de uma década, implantar tecnologia da informação em uma empresa significava, antes de tudo, custos. Esta visão mudou. Hoje, é investimento. E sãoas empresas de ponta que percebem no uso da TI uma estratégia para alavancar e manter a competitividade dos negócios.
Com essa visão, as empresas lançam mão de inovações em TI para conquistar mais agilidade, precisão de informações e resultados. Além disso, descobrem e desenvolvem sistemas para aproximarem se dos clientes, inaugurando novos modos de atendimento. “A visão das empresas éde investimento em longo prazo e olhar para o futuro é estratégico”.
“As empresas estão mais maduras e conscientes da necessidade de foco em seus negócios”, acredita César Leite, presidente da Associação das Empresas Brasileiras de Software e Serviços de Informática (Assespro/ RS), entidade nacional que reúne cerca de 1,5 mil empresas. Pelo menos no Brasil, essa nova postura começou amudar quase no final da década de 90, entre 97 e 98. Até então, pontificavam lá e cá alguns escassos exemplos de empresas que planejavam a adoção de novas tecnologias de informação. A maioria estava voltada para o desenvolvimento do marketing, diz a professora. Mas isso foi no século passado.
Com o desembarque, invariavelmente com atraso no Brasil dos sistemas de gestão empresarial (ERP),deu-se o boom quase na virada do milênio, época em que o mundo se sentiu ameaçado pelo bug, o que contribuiu para acelerar a corrida aos recursos de TI. Organizações, empresários e executivos começaram a olhar com mais atenção para o assunto.
As empresas começaram, então, a investir para adotar suas operações de mais agilidade, funcionalidade, rapidez e precisão. Foi e permanece como...
tracking img