Cervejaria

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1781 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 1 de fevereiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
PARTE V


5 ADMINISTRAÇÃO DE FINANÇAS


Em Administração de Finanças demonstraremos o fluxo de caixa do projeto, o investimento social, a formação do preço de venda, a projeção das receitas, os gastos fixos e variáveis e a elaboração do fluxo de caixa. Para finalização dessa área demonstraremos as técnicas de análise de investimento e comentaremos sobre a viabilidade financeira doprojeto.

5.1 Fluxo de Caixa do Projeto de Investimento

a) Investimento Inicial

Para implementar o projeto serão necessários R$ 932.084,00 (Novecentos e trinta e dois mil e oitenta e quatro reais), sendo R$ 439.834,00 em capital próprio e R$ 492.250,00 de capital de terceiros (financiamentos).
Do total do capital próprio, R$ 239.834,00 serão utilizados em diversasoperações de compras e organização da empresa, sendo o restante, R$ 200.000,00 reserva para capital de giro.
A destinação dos recursos se dará a seguir:
1 - Abertura de firma industrial e comercial mediante contrato de sociedade por cotas limitadas, registros na JUCESP, Ministério da Agricultura, Fazenda Federal, serviços contratados junto ao Escritório Contábil Souza S/C, ao preço de R$1.000,00, pagos à vista.
2 - Aluguel de um galpão de 2.000 m², no Distrito Industrial, para a instalação da indústria bem como seu setor administrativo, pelo valor de R$ 16.00,00, pagos à vista.
3 - Reformas no galpão alugado (divisórias, fiação elétrica, isolamento da linha de produção etc.), no valor de R$ 10.000,00, pagos à vista.
4 - Recolhimento de taxas junto áANVISA, BOMBEIROS, PREFEITURA E CETESB, para licença e funcionamento da empresa, R$ 3.600,00 pagos à vista.
5 - Aquisição dos equipamentos para laboratório (pesagem, verificação de dosagem, testes de qualidade, amostras) que serão utilizados na empresa, R$ 6.000,00 pagos à vista e mais R$ 12.000,00 que serão parcelados em doze meses.
6 - Equipamentos de escritório para o setoradministrativo, R$ 7.510,00 pagos à vista e mais doze parcelas mensais de R$ 1.460,00.
7 - Aquisição do software Empresário 3 e Empresário Móbile (13 licenças) pelo valor de R$ 4.054,00 pagos à vista.
8 - Aquisição de dois coletores para a equipe de vendas pelo valor de R$ 1.800,00 pagos à vista.
9 - Compra da linha de produção formada por uma Enchedora Huhtamaki, modeloBraskop, uma Esteira (transporte) KHS, uma Seladora de Caixas 3M, uma Codificadora VideoJet e um Capsulador, no valor total de R$ 500.000,00, R$ 150.000,00 pagos à vista e o restante parcelado em vinte e quatro meses.
10 - Aquisição do 1º lote de matéria-prima para início da produção, R$ 37.800,00 pagos à vista e R$ 88.200,00 parcelados em três meses.
11 – Compra de duas Fiorinos paraa área de distribuição/entrega no valor total de R$ 26.600,00, já incluído valor de documentação dos carros. No ato da aquisição será pago a primeira parcela do leasing de R$ 1.070,00 e o valor da documentação de R$ 1.000,00. O restante, R$ 24.530,00 será parcelado em vinte e quatro meses através de leasing.














Tabela 5.1 – Investimento Inicial
[pic]
[pic]
[pic][pic]
[pic]

b) Formação do Preço de Venda e Projeção das Receitas
Definimos que o preço de venda será de R$ 5,50 para o varejista e um preço diferenciado para grandes redes de supermercados e drogarias que atuam em nossa área de vendas, a serem definidos dentro de cada negociação.
O preço final é composto pelos itens que seguem, e foi considerada a industrialização de um lotebase de 2.000 (duas mil) unidades de 150ml.

Tabela 5.2 – Material Direto
[pic]


Tabela 5.3 – Material Direto Classificado por Tipo
[pic]

Portanto o valor de material direto por unidade será de R$ 2,99.
Para o cálculo da mão de obra, por adotarmos o método de produção constante, atribuímos os gastos com os funcionários envolvidos na produção, independentemente de hora...
tracking img