Calculadora em vb

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 21 (5007 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 13 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
VISUAL BASIC
Sebenta Teórica (versão 1)

Instituto Superior de Engenharia do Porto Janeiro de 2001

ÍNDICE 1 - CONCEITOS GERAIS
Programação orientada ao objecto Classes e Objectos A linguagem Visual Basic Forms e Controlos Propriedades Métodos Eventos

1
1 1 1 2 3 4 5

2 - O PRIMEIRO EXEMPLO
Ambiente de desenvolvimento Criar o projecto Desenhar a interface
Como desenhar um controlono form?

6
6 7 8 8 9 10 11 11

Ajustar as propriedades Escrever o código Correr e testar a aplicação Gravar o trabalho

3 - VARIÁVEIS E CONSTANTES
Tipos de dados Conceito de variável Declaração de variável Outros tipos de dados Operação de atribuição Constantes Operadores

13
13 13 15 16 16 17 17

Comentários Convenções a seguir na escolha de nomes de objectos

18 19

4 -ESTRUTURAS DE CONTROLO CONDICIONAL
Estruturas de selecção simples Estruturas de selecção embutidas
Estrutura If ... Then ... ElseIf ... Estrutura Select ... Case

20
20 22 22 24

5 - ESTRUTURAS DE CONTROLO REPETITIVO
Ciclo For ... To ... Next Ciclo Do While
Ciclo controlado por contador

26
26 29 29 31 32 33 35

Ciclo Do Until
Ciclos controlados por sentinela

Ciclos imbricados Cicloscom teste no fim

6 - VECTORES E MATRIZES
Vectores
Declaração de vectores Processamento de vectores Pesquisa em vectores Ordenação de vectores

37
37 38 38 40 46 49 49 50 51

Matrizes – Arrays bidimensionais
Declaração de matrizes Processamento de matrizes

Vectores de controlos

7 - SUB-ROTINAS
Procedimentos
Passagem de argumentos

52
52 52 54

Funções

ii

8 - FUNÇÕESPREDEFINIDAS
Funções matemáticas Funções de manipulação de strings Outras funções standard Função InputBox Função MsgBox Formatação da saída de dados - Função Format
Formatação de valores numéricos Formatação de cadeias de caracteres (strings)

55
55 56 60 60 61 63 63 64 65

Geração de números aleatórios - Funções Rnd e Randomize

9 - CONTROLOS
Option Buttons – Botões de Opção Check Boxes– Caixas de Verificação Frames – Quadros List Boxes – Caixas de Listagem

67
67 67 68 68

iii

1 - Conceitos Gerais
Programação orientada ao objecto
A programação tradicional baseia-se numa distinção clara entre o programa propriamente dito e os dados que esse programa processa. Nesta óptica, um programa é entendido como uma sequência de instruções que manipulam os dados que lhe sãofornecidos. Do ponto de vista da programação orientada para objectos, a forma de encarar um programa é substancialmente diferente. Um programa passa a ser visto como uma simulação de um ou vários aspectos do mundo real, pretendendo-se com ele modelizar um conjunto de objectos que interagem com o propósito de alcançar um dado objectivo. Assim sendo, o próprio programa é estruturado como um conjunto deobjectos que interagem entre si e com o mundo real. Cada objecto do programa é uma entidade com características e capacidades próprias, contendo dentro de si quer os dados a processar quer os módulos de programa que processam esses dados.

Classes e Objectos
Os objectos são normalmente agrupados em classes. Na vida real, um Fiat Punto ou um BMW podem ser classificados como objectos que pertencemà classe “automóvel”. São diferentes, mas não deixam de partilhar as características que os definem como automóveis. Também na programação por objectos são utilizados objectos que pertencem a classes. Cada objecto pertencendo a uma mesma classe possui características comuns a todos os objectos pertencentes a essa classe. Pode-se, assim, definir uma classe como a matriz que descreve quais ascaracterísticas e capacidades de um dado conjunto de objectos. Em programação, uma classe será um conjunto de especificações que regulam a criação de objectos de um dado tipo.

A linguagem Visual Basic
Esta linguagem incorpora os conceitos de objecto e classe. Nela existe uma vasta gama de classes de objectos predefinidas, com base nas quais o programador pode criar os objectos de que necessita...
tracking img