Bullying

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 22 (5463 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 16 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
CAPITULO 1. CONTEXTOS HISTÓRICOS DO BULLYING

1.1 Conceitos de bullying

O bullying é uma palavra de origem inglesa, que foi adotada por diversos países, para definir alguns comportamentos agressivos e antissociais, e é um termo muito utilizado nos estudos realizados sobrea a problemática da violência escolar.
Encontramos vários conceitos para o bullying, porém a definição universaltrazida por alguns autores, diz que o bullying é um conjunto de atitudes agressivas, intencionais e repetitivas que ocorrem sem motivação evidente, adotado por um ou mais indivíduos, além de provocar danos físicos, morais e materiais, são algumas das manifestações do “comportamento bullying” (Fante, 2005).
A mesma autora, ainda acrescenta que “definimos o bullying como um comportamento cruelintrínseco nas relações interpessoais, em que os mais fortes convertem os mais fracos e objetos de diversão e prazer, através de brincadeiras que disfarçam o propósito de maltratar e intimidar” (Fante, 2005).

1.2 Contextos históricos de bullying

O Bullying começou a ser pesquisado na Europa, durante a década de 70, quando na Noruega descobriram o que estava resultando nas inúmeras tentativas desuicídio entre os adolescentes. A partir de então, foram realizadas inúmeras pesquisas e campanhas para reduzir os casos de comportamentos agressivos nas escolas.
Cleo Fante ao descrever o histórico do fenômeno diz que foi o professor Dan Olweus, pesquisador da Universidade de Bergen, na Noruega, que relatou os "primeiros critérios para detectar o problema de forma específica, permitindodiferenciá-lo de outras possíveis interpretações, como incidentes e gozações ou relações de brincadeiras entre iguais, próprias do processo de amadurecimento do indivíduo" (2003).
Seguindo a mesma linha trazida por Fante, a ABRAPIA, acrescenta que,
Tudo teve início com os trabalhos do Professor Dan Olweus, na Universidade de Bergen – Noruega (1978 a 1993) e com a Campanha Nacional Anti-BULLYING nasescolas norueguesas (1993). No início dos anos 70, Dan Olweus iniciava investigações na escola sobre o problema dos agressores e suas vítimas, embora não se verificasse um interesse das instituições sobre o assunto. Já na década de 80, três rapazes entre 10 e 14 anos, cometeram suicídio. Estes incidentes pareciam ter sido provocados por situações graves de BULLYING, despertando, então, a atenção dasinstituições de ensino para o problema.
Olweus pesquisou inicialmente cerca de 84.000 estudantes, 300 a 400 professores e 1.000 pais entre os vários períodos de ensino. Um fator fundamental para a pesquisa sobre a prevenção do BULLYING foi avaliar a sua natureza e ocorrência.
Os primeiros resultados sobre o diagnóstico do BULLYING foram informados por Olweus (1989) e por Roland (1989), e por elesse verificou que um em cada sete estudantes estava envolvido em caso de BULLYING. Em 1993, Olweus publicou o livro "BULLYING atSchool" apresentando e discutindo o problema, os resultados de seu estudo, projetos de intervenção e uma relação de sinais ou sintomas que poderiam ajudar a identificar possíveis agressores e vítimas. Essa obra deu origem a uma Campanha Nacional, com o apoio do GovernoNorueguês, que reduziu em cerca de 50% os casos de BULLYING nas escolas. Sua repercussão em outros países, como o Reino Unido, Canadá e Portugal, incentivou essas nações a desenvolverem suas próprias ações.
Segundo Olweus (apud Fante, 2005, p. 46), "os dados de outros países indicam que as condutas Bullying existem com relevância similar ou superior as da Noruega, como é o caso da Suécia,Finlândia, Inglaterra, Estados Unidos, Canadá, Países Baixos, Japão, Irlanda, Espanha e Austrália".
Fante acrescenta que nos Estados Unidos, o Bullying cresceu muito entre os alunos das escolas americanas. Os pesquisadores já estão classificando o Bullying como "um conflito global", e destacam que se essa tendência permanecer haverá muitos jovens que "se tornarão adultos abusadores e delinquentes"...
tracking img