Budismo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 4 (869 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 31 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Budismo
Alunos: Eduardo Miranda, Gabriel Lopes, Laís Carolina Oliveira, Luiz Antônio Costinha, Matheus Tulher.
Matéria: Filosofia
Professora: Diana Cascelli
Data de Entrega: 26.10.12
Sumário1- Pesquisa Histórica
1.a – Surgimento
1.b – Situação Atual
1.c – Livro Sagrado
2- Princípios Filosóficos
3- Práticas Religiosas
3.a – Individuais
3.b – Grupais
4 – Pesquisas de CampoSurgimento do Budismo
O budismo não é só uma religião, mas também um sistema ético e filosófico, originário da região da Índia. Foi criado por Sidarta Gautama (563? - 483 A.C), tambémconhecido como Buda. Este criou o budismo por volta do século VI A.C. Ele é considerado pelos seguidores da religião como sendo um guia espiritual e não um deus. Desta forma, os seguidores podem seguirnormalmente outras religiões e não apenas o budismo.

O início do budismo está ligado ao hinduísmo, religião na qual Buda é considerado a encarnação ou avatar de Vishnu. Esta religião teve seucrescimento interrompido na Índia a partir do século VII, com o avanço do islamismo e com a formação do grande império árabe. Mesmo assim, os ensinamentos cresceram e se espalharam pela Ásia. Em cada culturafoi adaptado, ganhando características próprias em cada região.





Situação Atual do Budismo
O Budismo está atravessando, pelo menos em alguns países do Oriente, uma crise que tudo indica nãoser passageira. Em alguns aspectos, a pressão da secularização se faz sentir na Ásia, não menos do que acontece com o cristianismo na Europa.
“Os velhos budistas reconheciam a crença na iluminaçãoespiritual (nirvana) como fim último da prática religiosa; na existência de outros mundos que transcendem a vida presente; em uma fé simples, em um céu que espera os bons e em um reino infernal para osmaus. Mas, as pessoas de hoje demonstram pouco interesse por tais crenças. O despertar supremo se tornou uma tarefa muito difícil – mais que isso, impossível – para a maioria dos praticantes....
tracking img