Bombas compressores

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 13 (3090 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 19 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Capítulo I – Bombas e Compressores
EQ651 - Material Elaborado pelas Profas. Katia Tannous e Sandra C.S. Rocha

EQ651 – Operações Unitárias I

1

EQ651 - Material Elaborado pelas Profas. Katia Tannous e Sandra C.S. Rocha

Introdução
Considerações sobre equipamentos movimentadores de fluido
Equipamentos
movimentadores

energia

Equiptos.: Bomba e Compressor

escoamentotrabalho (energia)

Compensar as perdas por atrito ou contribuir
Pressão
Velocidade
Altura de fluido
2

densidade
Gás

viscosidade compressibilidade

Equiptos.: ventiladores, sopradores ou compressores
(fornecem energia ao fluido e propiciam o escoamento)

Líquido

densidade

viscosidade

Equiptos.: Bombas
(fornecem energia ao fluido e propiciam o escoamento)

3

EQ651 -Material Elaborado pelas Profas. Katia Tannous e Sandra C.S. Rocha

Fluido

Energia

Dispositivo motriz
de fluidos

Processos
Químicos

EQ651 - Material Elaborado pelas Profas. Katia Tannous e Sandra C.S. Rocha

Energia
Parcela Significativa
do Consumo de
Energia do Processo

Dimensionamento e a escolha
correta do equipamento
Minimizar o consumo de energia
Viabilizar o processo eo custo
4

EQ651 - Material Elaborado pelas Profas. Katia Tannous e Sandra C.S. Rocha

Bombas – Transporte de Líquidos
Sistema de Bombeamento:Sistema de escoamento de
líquido incorporando uma bomba
Sucção ou aspiração

Descarga ou recalque
(2)

(1)

S
ou
YS

D
ou
YD

5

EQ651 - Material Elaborado pelas Profas. Katia Tannous e Sandra C.S. Rocha

Se o nível de águapermite encher completamente o corpo da
bomba, diz-se que a bomba está afogada.

S ou YS : altura de sucção ou aspiração
D ou YD: altura de descarga ou recalque

*recomenda-se a colocação de uma válvula de retenção antes da bomba: impede
o escoamento para reservatório, quando a bomba estiver desligada.

6

EQ651 - Material Elaborado pelas Profas. Katia Tannous e Sandra C.S. RochaBalanço de Energia
2

p1 vS
p2 vD2
+
+ yS + H B =
+
+ yD + h L
ρg 2g
ρg 2g

(1)

HB= altura manométrica ou carga da bomba (=energia por unidade
de peso do fluido que deve ser fornecida ao sistema

De (1)

2
2
p 2 − p1 v D − vS
HB =
+
+ ( y D − yS ) + h L
ρg
2g

(2)

7

EQ651 - Material Elaborado pelas Profas. Katia Tannous e Sandra C.S. Rocha

Potência que deve serfornecida ao sistema: Pútil
.

Pútil = γQH B = m gH B

(3)

P
Potência Real(Preal): fornecida pelo motor = útil
η
η : rendimento ou eficiência da bomba
.

então

Preal =

m gH B
η

(4)

8

EQ651 - Material Elaborado pelas Profas. Katia Tannous e Sandra C.S. Rocha

OBS: Ocorrem muitas situações em Engenharia em que:
P1=P2=Patm
vS=vD (mesmo diâmetro de tubulação)
Assim,
HB = ( y D − yS ) + h L
H B = ( y D − yS ) + h LS + h LD

Perdas na
sucção

ou
(5)

Perdas na
descarga
9

EQ651 - Material Elaborado pelas Profas. Katia Tannous e Sandra C.S. Rocha

Classificação das Bombas

•Bombas de Deslocamento Positivo
•Bombas Centrífugas
•Especiais

10

EQ651 - Material Elaborado pelas Profas. Katia Tannous e Sandra C.S. Rocha

Características dasBombas
Bombas de Deslocamento Positivo

Uma porção de fluido é presa numa câmara, e pela ação de um
pistão ou peças rotativas o fluido é impulsionado para fora.
Dividem-se:
Alternativas (chamadas de sistema de pistão) em que o
escoamento é intermitente
Rotativas (escoamento contínuo)

11

A partícula de “a” de líquido é
aspirada em “o” segue a trajetória do
pistão “b” e sai compressão
comunicada pelo êmbolo “d”.

b
a
c
o

d

Esquema Típico de Bomba Êmbolo

12

EQ651 - Material Elaborado pelas Profas. Katia Tannous e Sandra C.S. Rocha

Modo Operacional

A taxa de fornecimento (vazão) depende do volume varrido
pelo pistão e do número de golpes por unidade de tempo
A vazão de descarga do fluido varia com tempo
em virtude da natureza periódica do pistão...
tracking img